Pesquise as matérias do JT:

segunda-feira, 7 de julho de 2014

Fim de semana sangrento: Duas mortes a pauladas em Tucuruí



 Corpo encontrado as margens da estrada da Expotuc, em Tucuruí

WELLINGTON HUGLES
De Tucuruí
Foto: Wellington Hugles

Na madrugada do sábado (5), ocorreu o primeiro assassinato com rigores de crueldade, a vítima foi o nacional Cristiano da Silva Farias, 22 anos, morador do bairro Nova Conquista, seu corpo foi encontrado as margens da avenida de ligação ao bairro Nova Conquista, em Tucuruí, sudeste do Pará, demostrando ter sido morto a pauladas, tendo seu rosto sido totalmente desfigurado.

Já por volta das 6 h da manhã desta segunda-feira (7), outro corpo foi localizado por populares as margens da estrada que leva ao Parque de Exposições de Tucuruí (Expotuc), no bairro do Beira Rio, também em Tucuruí.

Segundo apuração dos fatos, a comunidade ficou em polvorosa, com uma movimentação incomum na manhã desta segunda-feira (7), no bairro Beira Rio, moradores que seguiam para o trabalho deparou-se com um corpo abandonado na estrada de acesso a Expotuc, sendo um homem, com aparência adulta, cor morena e que esta trajando uma camisa vermelha, inclusive, trazia tatuado no peito, o nome “Elizabeth”.

A Polícia Militar foi a primeira a ser acionada pela população do bairro, imediatamente após a descoberta do corpo, a Polícia Civil foi ao local e iniciou as investigações, solicitando a Perícia Especializada pelo Instituto Renato Chaves do local do crime e a remoção do cadáver ao IML.
Na tarde desta segunda-feira (7), os familiares dirigiram-se ao IML de Tucuruí e identificaram a vítima sendo o menor de 17 anos, morador do bairro do Getat.

O corpo do adolescente foi liberado aos familiares que providenciaram os preparativos para o velório, o seu féretro será sepultado na manhã desta terça-feira (8), em um dos cemitérios públicos de Tucuruí.

Suspeitas - A priori, a Polícia Civil não acredita que os crimes tenham ocorrido de forma sequencialmente, ou que tenham ligação, mas tudo e possível, levando-se em consideração que os modos operantes foram idênticos, nas duas mortes, sendo causadas por golpes de pauladas desferidas na grande maioria na cabeça, chegando a desfigurar o rosto das vítimas, e os corpos foram desovados próximos aos bairros onde moravam, mesmo assim, não sendo possível afirmar que ambas as vítimas possam ter envolvimentos como o mundo do crime, mas ainda e cedo, as investigações foram tombadas pelo delegado plantonista da Seccional de Tucuruí e será questão de tempo para a elucidação dos dois crimes, assim como a identificação dos assassinos.

Durante estes primeiros seis meses do ano de 2014, já foram registrado 9 assassinatos em Tucuruí, sendo considerado um aumento astronômico no número de homicídios, colocando a população em estado de alerta pela insegurança que tenta retornar para a cidade. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário