Pesquise as matérias do JT:

domingo, 13 de julho de 2014

Após intermediação da PM, manifestantes liberaram a PA 263 em Goianésia do Pará






WELLINGTON HUGLES
De Goianésia do Pará
Foto: Wellington Hugles

Por volta das 13 h, após uma rodada de negociações entre o Comandante do Destacamento da Polícia Militar de Goianésia do Pará, Capitão Mendes e uma comissão de moradores do bairro Vila Itamaraty, que fecharam a PA 263 desde as primeiras horas da manhã deste domingo (13), reivindicando maior segurança no local para a travessia dos moradores na estrada, com a colocação imediata de redutores de velocidade naquele trecho, com isso, diminuindo a ação dos motoristas imprudentes, que não respeitam as leis de trânsito e transitam acima da velocidade máxima permitida, colocando em risco as crianças e pedestres que utilizam a rodovia diariamente para se deslocar a escola e ao centro da cidade, culminando com acidentes, até com mortes como ocorridas na sexta-feira (11), com a colisão entre uma van e uma motocicleta, que ceifou a vida de dois pais de famílias.

Os manifestantes atenderam ao comandante da PM de Goianésia do Pará, Capitão Mendes, e por volta das 13 h liberaram o trafego de veículos na PA 263, o Corpo de Bombeiro da cidade foi acionado, e com o auxilio do carro pipa da prefeitura apagou o fogo nos pneus e madeiras ateados pela população no meio da rodovia.

Capitão Mendes recebeu a pauta dos moradores, e deverá encaminhar nesta segunda-feira (14) ao comando geral, que levara em mãos a assessoria do governado para analisarem o pedido dos moradores de Goianésia.

Os manifestantes foram incisivos em afirmar que, se nada for resolvido pelo governador, no próximo final de semana fecharão novamente, a rodovia PA 263 e a PA 150, desta vez sem previsão para liberação.


Um comentário:

  1. prefeitura de goianesia do pará faz parte do mesmo complo com tucurui, novo repartimento e breu branco onde membro da mesma família atuam juntos nestas prefeituras cadê o ministeiro publico

    ResponderExcluir