Pesquise as matérias do JT:

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Wellington Hugles comemora mais um aniversário

Wellington Hugles comemora mais um ano de vida
Mais um ano de vitórias e glorias estão sendo coroadas neste dia tão especial de 29 de outubro, “MUITAS SÃO AS QUALIDADES DE UM SER HUMANO, MAS A MAIS IMPORTANTE É O SEU CARÁTER", agradeço a DEUS por mais um ano de vida juntamente com meus familiares, amigos e admiradores. Tenham certeza que nunca os decepcionarei e estarei sempre firme na defesa intransigente dos interesses dos menos assistidos, e na garantia de dias melhores aos mais carentes e necessitados.

Campeonato Municipal da Liga Esportiva de Tucuruí: Realito Campeão Municipal de 2012:

A equipe do Realito Campeão Municipal da 1ª Divisão Especial do Campeonato Municipal Amador da Lemt de 2012 
O presidente da Lemt Wellington Hugles levantou o troféu de Campeão Municipal do Esporte Amador de 2012 conquistado pela equipe do Realito de Tucuruí

Campeonato Municipal da Liga Eportiva de Tucuruí
Realito Campeão Municipal de 2012
Durante o segundo semestre os atletas do esporte amador de Tucuruí, participaram de uma grande movimentação com a realização do Campeonato Municipal da Liga Esportiva Municipal de Tucuruí – Lemt da 1ª Divisão disputaram a competição 12 clubes filiados a Lemt, e no último sábado (27), ás 18 h, enfrentaram-se pela final do Campeonato da 1ª Divisão, no estádio municipal Antônio Dias “Navegantão”, a equipe do bairro do Jardim Paraíso o Realito e a equipe do bairro conhecido popularmente como Morro da Matinha o Juventus.
Preliminar – Na partida preliminar a final do Campeonato Amador de 2012, entraram as 16 h no campo do “Navegantão” a equipe Master 35 anos do Flamengo de Tucuruí que enfrentou o time do Realito, em uma partida eletrizante que contou com a presença de mais de 2 mil torcedores que entusiasmados foram torcer pelo seu clube do seu coração e abrilhantar o excelente espetáculo do esporte de nossa cidade. Muitas foram às estrelas que sempre deram tudo de si nas competições do esporte amador e agora participando das equipes de Master 35 anos, entre eles, o convidado especial o técnico do Independente de Tucuruí, Gian que reforçou a equipe do Flamengo de Tucuruí, ao final a partida terminou empatada com o escore de Flamengo 4 X 4 Realito.
Para a partida principal o presidente da Liga Esportiva Municipal de Tucuruí, Wellington Hugles determinou a gratuidade ao público, sendo os jogos foram realizados com portões abertos do estádio municipal de Tucuruí, garantindo a participação popular em um evento do esporte amador.
Premiação – O clube campeão municipal de 2012 da 1ª divisão Amador Realito, recebeu das mãos do presidente da Lemt Wellington Hugles e dos familiares do homenageado Bruno; Albert e Rodrigo o troféu; medalhas e a premiação de R$ 1 mil, em reconhecimento pelo título municipal de campeão, e, em comemoração aos 30 anos de fundação da Lemt, e em homenagem póstuma ao ex-dirigente de clubes amadores de Tucuruí e ex-diregente da Lemt, além de árbitro de futebol oficial do quadro da Lemt, o professor Carlos Nascimento, bem como o clube vice-campeão Juventus, além de premiação em dinheiro no valor de R$ 500,00, recebeu troféu e medalhas.
Durante o ano de 2012, a Lemt passou por muitas dificuldades para a realização das suas diversas competições, devido à falta de um campo de futebol com estrutura necessária para a prática esportiva, mas, sua diretoria teve a iniciativa de celebrar parcerias e assim dirimir da melhor forma possível suas competições no estádio “Geraldo Afonso Prates” na sede da Associação dos Empregados da Eletronorte – ASEEL. No campo da Associação Atlética Banco do Brasil e nas rodadas da segunda-fase da 1ª divisão amadora, foi cedido o estádio municipal “Navegantão”.
Campeão – Foi uma grande festa para o Realito de Tucuruí Campeão Municipal da 1ª Divisão do Esporte Amador de Tucuruí da Liga Esportiva Municipal de Tucuruí, partida oficial realizada no último dia 27 de outubro as 18 h no estádio municipal Antônio Dias "Navegantão".
Ao final o escore foi Realito 6 X 2 Juventus, sagrando-se Campeão o Realito e Vice-Campeão o Juventus.
Um fato histórico marcou a final do Campeonato Municipal em comemoração aos 30 anos de fundação da Liga Esportiva Municipal de Tucuruí - Lemt, neste ano de 2012 foi à única vez em toda a história de competições da Lemt, que o Campeonato terminou em tempo recorde ainda no mês de outubro.
Chave de ouro – O presidente da Lemt Wellington Hugles comemorou a realização em 2012 das 15 competições programadas pela Liga Esportiva Municipal de Tucuruí, centenas de equipes participaram de competições amadoras, congregando a população esportiva tucuruiense, e reunindo em suas competições, nas três praças esportivas mais de 20 mil torcedores, coroando a administração da Lemt composta por: Wellington Hugles presidente, Alessando Silva vice-presidente, Kilder Ross Miranda diretor de esporte, Fábio Silva diretor de arbitragem e Aroldo Carvalho tesoureiro.
Independente – Através de articulação entre a Liga Esportiva de Tucuruí através do diretor de esporte Kilder Ross “Bola” e o dirigente do Independente Aroldo Carvalho juntamente com o técnico Gian, o campeão municipal da Lemt de 2012 Realito de Tucuruí, enfrentará o time profissional do Independente na próxima quarta-feira (31), no estádio “Navegantão” as 20 h, na primeira partida amistosa da temporada do Independente, rumo a sua preparação para seu retorno a elite do esporte do Pará.
(Wellington Hugles)

   

Dirigentes do Realito juntamente com técnico Darlan agradecendo o apoio dos atletas na conquista de um título histórico do esporte amador de nossa cidade
O vice-presidente da Lemt Alessandro Silva fazendo seu pronunciamento no  momento da premiação do Realito 
  O diretor de arbitragem Fábio Silva agradeceu a todos pela participação e pelo excelente espetáculo do futebol

Familiares do homenageado Carlos Nascimento: Bruno e Albert
O presidente da Lemt Wellington Hugles repassou o troféu de Vice-Campeão a equipe do Juventus
O tesoureiro da Lemt Aroldo Carvalho entregando a premiação em dinheiro ao Campeão e Vice-Campeão Municipal de 2012

 Família do homenageado Carlos Nascimento: Bruno e Albert entregando a premiação
O diretor de esporte da Lemt Kilder Ross "Bola" agradecendo a compreensão e o apoio de todos os atletas e dirigentes dos clubes 

Rodovia BR 422: mais um acidente grave registrado



Mais um grave acidente na BR 422 próximo ao Posto Ale (ex-petromax) em frente ao quartel do Corpo de Bombeiros Militar do Pará, na conhecida Estrada da Morte


Na madrugada deste domingo (28), por volta das 2 h, um veículo Fiat Uno Mille Fire ano 2007 de placas  NJX 9071 de Goiânia (GO), transitava em alta velocidade no sentido centro de Tucuruí para a saída da cidade, pela BR 422, sendo que após o cruzamento da rodovia com a entrada do aeroporto, o condutor que até o momento não foi identificado, perdeu o controle do veículo subindo no acostamento e chocando-se com o morro lateral, ficando imprensado entre o barranco e um poste, com a alta velocidade e o choque com sua saída da estrada, o veículo ficou totalmente destruído. 
Segundo informações colhidas com pessoas que presenciaram o acidente e que lotavam o estacionamento do Posto Ale divertindo-se na madruga, nada aconteceu com o condutor e o seu acompanhante, sendo que após o acidente o motorista do veículo saiu gritando em alto e bom tom "quem quiser depenar este carro aproveite por que é um carro financiado e não servirá mas para nada". Após levantamento verificou que o veículo esta licenciado até 2013, com apenas 7 multas totalizando R$ 900,00, sendo 6 multas de Goiânia, e uma em 2008 em Jacundá, mas pesa sobre o veículo uma restrição administrativa por falta de pagamento do debito junto a financiadora, sendo que o veículo estava com busca e apreensão para ser recuperado pela proprietária financiadora.
Durante toda a madrugada e o dia deste domingo (28), o carro foi totalmente saqueado, foram subtraídas: rodas; volante; som; peças e acessórios em geral . 
Na manhã desta segunda-feira (29), um veículo esteve no local e retirou os bancos e o motor do carro acidentado, até o momento ninguém reclamou o carro que deverá ser mais um entulho de ferragem após acidente na BR 422, sem que os órgãos fiscalizadores tomem as providencias necessárias para a retirada do veículo através da localização do proprietário de fato e de direito. (Wellington Hugles) 

domingo, 28 de outubro de 2012

Zenaldo Coutinho é o novo prefeito de Belém até 2016


Zenaldo Coutinho é o novo prefeito de Belém até 2016
Com a sua totalidade das urnas apuradas na capital do Pará, o deputado federal Zenaldo Coutinho (PSDB) é o vencedor do 2° turno da eleição para prefeito de Belém.
Zenaldo obteve 56,61% (438.435 votos) dos votos válidos contra 43,39% (336.059) do seu opositor, o psolista Edmilson Rodrigues. A diferença pro-Zenaldo foi de 102.376 votos.
Votaram em branco 12.595 eleitores (1,56%); anularam o voto 20.652 eleitores (2.56%) e 202.015 eleitores não compareceram à urnas.
Em 1° de janeiro de 2013, Zenaldo Coutinho inaugura a sua administração do município que sedia a capital do Pará, Belém, com 1.402.056 habitantes (estimativa IBGE/2011).
A sua responsabilidade, todavia, não se limita à circunscrição do município que o elegeu prefeito, pois não mais é possível administrar Belém sem considerar que a cidade sedia o maior aglomerado urbano da Região Norte, que é a Região Metropolitana de Belém: a 12ª do Brasil e 177ª maior área metropolitana do mundo.
Com os percentuais de votos válidos finalizados, acertaram "na mosca" as pesquisas finais elaboradas pelo "Bilhetim" (57,9% x 42,1%) e pelo Ibope (57% x 43%).

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Diário do Pará no Caderno Diário do Carajás: 80 mil estão sem água em Tucuruí


Diário do Pará no Caderno Diário de Carajás: Mais de duas mil pessoas caíram no golpe


Diário do Pará no Caderno Diário de Carajás: Rodoviária de Tucuruí engolida pelo mato


Tucuruíense Railson Veras Mousinho aprovado na Faculdade Esamaz

 Railson Veras Mousinho filho do casal Charles Simões Mousinho (Charão) e Ana Veras Mousinho aprovado para o Curso de Farmácia na Esamaz em Belém

Os familiares de Railson Gulit Veras Mousinho, estão felizes por mais uma vitória coroada a família com a aprovação de Railson para o Curso Superior da Esamaz de Farmácia o qual irá cursar em Belém, trazendo o coroamento dos primeiros três filhos do casal Charão e Ana, que com todas as suas dificuldades já conseguiram formar os filhos: Henrique como Advogado atuando efetivamente em Tucuruí, Marcelo como gestor Ambiental e agora Railson como futuro Farmacêutico, podendo inclusive alternar seu curso para Odontologia. A única filha Charleane com apenas 15 anos já está empolgada e estudando muito para encarar futuramente exames para uma vaga no curso de Medicina. Parabéns aos familiares e ao calouro da Esamaz Railson Veras Mousinho.

terça-feira, 23 de outubro de 2012

Orçamento de quase R$ 280 milhões esta sendo analisado pelos legisladores

Fotos: Wellington Hugles


 Projeto de Lei nº 0102/2012 datado de 28 de setembro de 2012, que estima a receita, e fixa as despesas do município de Tucuruí para o exercício de 2013 em R$ 274.533.600,00 (Duzentos e setenta e quatro milhões, quinhentos e trinta e três mil e seiscentos reais).
 Galerias vazias e apenas sete parlamentares presentes a sessão da Câmara
 Mesa diretora da sessão que recebeu o orçamento de 2013
Vereador Tom Bonfim (PT), exige respostas através da abertura das CPI's

Tucuruí
Orçamento de quase R$ 280 milhões esta sendo analisado pelos legisladores
Em sessão relâmpago realizada na manhã desta terça-feira (23), os vereadores presentes no plenário da Câmara de Vereadores de Tucuruí, a saber: José Gomes (presidente da casa), Pastor Antônio, Antônio Aragão (Tabaco), Chico Enfermeiro, Edileuza Meireles e Max Marçal, receberam cópia da mensagem do chefe do executivo municipal, e, em anexo, o Projeto de Lei nº 0102/2012 datado de 28 de setembro de 2012, que estima a receita, e fixa as despesas do município de Tucuruí para o exercício de 2013 em R$ 274.533.600,00 (Duzentos e setenta e quatro milhões, quinhentos e trinta e três mil e seiscentos reais).
Com a ausência dos vereadores: Jones William (PT), Titonho (PTB) e Bena Navegantes (PP), por motivos de força maior, levou a sessão a ser uma das mais rápidas do ano, em função da ausência dos pareces da Comissão de Orçamento, Constituição e Justiça, que seriam exauridos pelos vereadores Titonho e Bena, com isso, a Lei Orçamentaria de 2013 não pôde entra na pauta de discursão, e com as devidas apresentações de destaque e emendas pelos legisladores. Ficando a Lei de vital importância para a municipalidade, a ser colocada na pauta na próxima sessão da casa de leis.
No discurso do único vereador a fazer uso da tribuna, Tom Bonfim (PT), sua “metralhadora giratória”, detonou diversas irregularidades da gestão do atual prefeito Sancler Ferreira, cobrando providencias da presidência da CMT com respeito à abertura da CPI da Saúde, do Asfalto, dos Kits de Informáticas, do desvio de Asfalto, das fraudes em Licitações das Escolas e do Superfaturamento da Licitação do coffee break que atende aos eventos da PMT.
Durante a fala do tribuno, nenhum vereador presente fez menção ao assunto, deixando transparecer a falta de interesse nas aberturas de CPI’s. O vereador Tom esclareceu ainda que, os atuais vereadores terão até o dia 20 de dezembro de seus mandatos nesta tribuna, em função do recesso, então vamos fazer nosso papel para o qual estamos sendo remunerados, “sabemos que dos dez vereadores desta legislatura, apenas um foi reeleito, mas, é nosso compromisso aprovar um orçamento que venha a atender os anseios da população com obras e serviços nos setores carentes da sociedade”. “Temos que saber aonde o prefeito vai investir diretamente os recursos de um orçamento de R$ 274,5 milhões, haja vista, que até hoje não sabemos e nem tivemos a devida prestação de contas dos quase R$ 1 bilhão que o prefeito geriu nestes últimos quatro anos de seu “desgoverno””.
Sessão – Além do fato da sessão com a presença de sete parlamentares ser uma das mais rápidas do legislativo neste semestre, outros fatos ficaram marcados, como por exemplo, nenhum assunto estava pautado para ser discutido pelos edis na sessão, e, a ausência total dos munícipes nas galerias durante a sessão, sendo observado apenas a presença dos poucos assessores parlamentares. (Wellington Hugles)

Falta de Água: População está a mais de 24 h sem líquido precioso nas torneiras

Fotos: Wellington Hugles




Tucuruí
Falta de Água
População está a mais de 24 h sem líquido precioso nas torneiras

A população da cidade de Tucuruí, sudeste paraense, amarga a mais de 24 h com a falta de água nas torneiras. Desde as 17 h desta segunda-feira (22), houve o desligamento da maior estação de captação e bombeamento da cidade a do KM 4, que abastece 80% dos bairros de Tucuruí, em função do rompimento de uma adutora que liga a estação a cidade , no KM 1 da rodovia Transcametá.
Desde o final da tarde desta segunda-feira (22), uma grande quantidade de funcionários da autarquia Nossa Água, responsável pelos serviços de manutenção e distribuição de água potável para os mais de 110 mil habitantes da cidade, revezaram-se durante toda a madrugada e o dia de ontem, na realização dos reparos da tubulação que liga a estação a distribuição de água pelos bairros da cidade. Segundo informações do presidente da Nossa Água Ronaldo Felipe, tal suspensão do fornecimento de água foi ocasionada, devido às “péssimas situações que se encontram as tubulações subterrâneas, que se encontra a mais de duas décadas sem a mínima manutenção preventiva, com isso, quase que diariamente ocasionando rompíturas em diversos pontos de sua extensão”.
Maias de 80 mil pessoas ficaram sem o líquido precioso na cidade, devido a isso, grandes filas foram observadas em toda a cidade em residências com poços artesianos nos mais de 20 bairros atingidos em toda a cidade.
O fornecimento de água tratada na cidade de Tucuruí e realizado pela administração municipal de forma gratuita desde o ano de 1996, mas que nos últimos três anos em função do grande aumento populacional, e a ocupação de diversas áreas da cidade, os serviços estão precários e de péssima qualidade.
Hidrômetro – Dentro do Orçamento Municipal para 2013, a prefeitura de Tucuruí destinou recursos na ordem de quase R$ 5 milhões para a melhoria nos serviços de captação, adução, tratamento e reserva de água, e na sua distribuição através da instalação em cada residência de hidrômetro, instrumento destinado a medir o peso, a velocidade e densidade dos líquidos, para posteriormente retornar à cobrança de água a população da cidade de Tucuruí. (Wellington Hugles)

sábado, 20 de outubro de 2012

Assembléia Geral da Fitrac em Rondônia vai dar fim ao caso SINTRAPAV e no chefe da quadrilha Giovani Resende


Edital de Convocação


RELEMBRE O ESCÂNDALO DO SINTRAPAV E DO CHEFE DA QUADRILHA GIOVANI RESENDE EM RONDÔNIA EM DETRIMENTO AOS OPERÁRIOS



Justiça determina a anulação do SINTRAPAV em Rondônia e suas irregularidades vão a Assembléia Geral
Após exaustiva investigação a Federação Interestadual dos Trabalhadores nas Indústrias nos Estados de Rondônia e Acre - FITRAC, através de seu presidente Antônio Acácio Moraes do Amaral, denunciou o “bando de Giovani Resende”, que segundo o presidente vieram para o estado após terem sucateado o SINTRAPAV do Pará com sede em Tucuruí, e fundaram um SINTRAPAV em Rondônia para tentar “garimpar recursos” de forma “desonesta” e com a intenção de “se locupletarem”, e para isso, tentaram ludibriar seus sócios com a intenção da defesa de seus direitos. Oferecendo linhas de créditos no comércio e cestas básicas, “esta quadrilha só quer mesmo e se dar bem, e não estão nem um pouco preocupados com os seus sócios”, Amaral foi bastante contundente em afirmar que a “quadrilha”, tem ramificações em todo o país, inclusive se infiltraram em Altamira na obra de Belo Monte, desta vez, através de seu cunhado representante legal de Giovanni na cidade.
Temos depoimentos de dezenas de ex-sócios do SINTRAPAV com sua sede em Tucuruí, que em nenhum momento ocorreu eleição aberta para que os filiados participassem e elegessem seus diretores, desde que o Giovane Resende assumiu a entidade.
É fácil comprovarmos isso, é só verificarmos por quantos anos Giovani Resende é funcionário do quadro da gerência na empresa Camargo Corrêa? E a quantos anos está na presidência do SINTRAPAV?, Quantas vezes foram convocadas Assembléias Gerais abertas para sua reeleição em seus vários mandatos? E os atuais diretores, como o próprio Giovani, em quais obras estão lotados ou trabalhando? Hoje o SINTRAPAV e uma entidade meramente “familitária”.
A atual diretoria do SINTRAPAV do Pará esta composta por: Giovane Resende da Silva - Presidente, Edvaldo Cardoso de Lima – Tesoureiro, Rogenel Luiz Gobbo - Secretário Geral, e o Conselho Fiscal esta formado por: Francisco Lima Neto (Xito), Gilmar Silva (irmão Giovanni), Welbio Cezar da Costa e Juvenal Lima Pinto. Se observarmos a composição da diretoria do SINTRAPAV no estado de Rondônia verificamos que está composta na maioria absoluta por familiares de Giovani Resende e seus diretores, a saber: Presidente Ângelo Valim Gobbo (irmão do tesoureiro do SINTRAPAV do Pará), além dos asseclas de Giovani Resende: Ricardo Lima (parente do diretor do SINTRAPAV do Pará), Luciene Reis, Francisco Silva (Conselheiro do SINTRAPAV do Pará), Ivânia Barreto, Aldizio Barreto, Irenice Barreto (todos parentes) Jaiane Costa, Verônica Silva, Heriton Pantoja, Marcel Sanches e Lanek Reis.
Nas denuncias feitas pelo presidente da FITRAC Antônio Amaral, se observou ainda os nomes de Bebeto e Ângelo, e do conhecido Gilmar da Federação Nacional dos Trabalhadores Celetistas nas Cooperativas no Brasil - FENATRACOP, além do articulador e a “cabeça pensante” Eduardo Armond Cortês de Araújo, conhecido como Armon (chefe do esquema da terceirização), através da Cooperativa de Trabalho e Educação dos Profissionais de Informática e Serviços Técnicos Multiprofissionais Ltda- COOPERGATA (que inclusive tem ramificação dentro da Confederação Nacional da Indústria – CNI).
Esta “COOPERGATA” é quem recebe o dinheiro dos contratos com os SINTRAPAVs, e das “propinas”, que consequentemente é dividido entre os participantes do esquema.
São contratos feitos nas “coxas”, é um verdadeiro ralo. Foi uma das fontes de financiamento da campanha de Bebeto a Deputado Federal nas últimas eleições. Naquela época chegaram a iludir o então Ministro do Trabalho. Foi por estes motivos que o presidente da FITRAC Antônio Amaral esteve em Brasília-DF, e através do seu pedido esteve em Rondônia o Secretário Nacional de Relações do Trabalho do Ministério do Trabalho e Emprego na época Luiz Antônio de Medeiros que ficou ciente das “falcatruas” praticadas pela quadrilha de Giovani Resende, e assegurou na sua visita em Porto Velho, na presença de Carlos Cavalcante Lacerda da Força Sindical Nacional, que enquanto permanecesse no cargo de secretário, não autorizaria o Registro Sindical do SINTRAPAV de Rondônia, “por se tratar de uma fraude comprovada”.
Após o “desbaratamento” dos asseclas do “eterno presidente do SINTRAPAV - Pará” o mentor intelectual Giovani Resende na fundação fraudulenta do SINTRAPAV em Rondônia, não teve sucesso, em face da postura de honestidade e da defesa intransigente dos interesses dos trabalhadores que são representados pelo presidente Antônio Acácio Moraes do Amaral e sua diretoria através do FITRAC e do Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção Civil do Estado de Rondônia – STICCERO, que acionaram a justiça do trabalho e após uma exaustiva demanda judicial, os trabalhadores foram vitoriosos, e a Justiça do Trabalho deu ganho de causa e suspendeu as atividades do SINTRAPAV em Rondônia.
Segundo Amaral, estas ações são comuns para este grupo, e, é importante que os filiados de todos os SINTRAPAVs espalhados por todo o país, comecem a fiscalizar suas diretorias, porque temos diversos documentos da utilização de verbas sindicais para patrocínios de clubes esportivos sem as devidas prestações de contas, a realização de aquisições sem as devidas licitações, bem como a realização de eventos para os trabalhadores com o sorteio de prêmios de forma irregular.
A farsa desmontada pela Justiça - Em decisão proferida no ultimo dia 9 de agosto de 2011 e publicada no Diário Oficial da União do último dia 4 de abril de 2012, o Juiz Federal do Trabalho do Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região - 2ª Vara do Trabalho de Porto Velho, Francisco Montenegro Neto, negou provimento aos embargos de declaração opostos por SINTRAPAV/RO - Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Pesada do Município de Porto Velho e Distritos de Jaci-Paraná, Mutum Paraná, Abunã e Vista Alegre do Abunã – Estado de Rondônia, em face de Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção Civil do Estado de Rondônia – STICCERO.
Saiba como age o grupo de “sindicalistas” - Na Federação Nacional dos Trabalhadores da Indústria da Construção Civil Pesada (FENARACOP) a presidência é exercida por Wilmar Gomes dos Santos e seu vice-presidente, nada mais nada menos, que Giovani Resende da Silva.
No Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil Pesada e Afins do Estado do Pará, com sede dentro da Vila Residencial da Usina de Tucuruí, liderado por pessoas ligadas à Camargo Corrêa, e pelo “manda-chuva” máster do bando, Giovani Resende da Silva que atua como presidente e Roginel Luiz Gobbo figura como secretário-geral.
Na Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil (CNTIC), que deveria ter sua sede em Brasília, como determina a legislação, funciona em São Paulo. Adivinhem que aparece como diretor Wilmar Gomes dos Santos acompanhado de Adalberto Souza Galvão membro do conselho fiscal e o atuante e sempre presente em entidades Giovani Resende da Silva aqui figurando como suplente de diretoria e Antônio Bekeredjian como tesoureiro.
Léia a seguir o despacho na integra:
DISPOSITIVO
- Isso posto, conheço os embargos de declaração opostos por SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS DA CONSTRUÇÃO PESADA DO MUNICÍPIO DE PORTO VELHO E DISTRITOS DE JACI-PARANÁ, MUTUM PARANÁ, ABUNÃ E VISTA ALEGRE DO ABUNÃ – ESTADO DE RONDÔNIA – SINTRAPAV/RO. Em face de SINDICATO DOS TRABALHADORES NA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO CIVIL DO ESTADO DE RONDÔNIA - STICCERO e, no mérito, REJEITO-OS, na forma da fundamentação retro, sem prejuízo dos esclarecimentos prestados, que passam a integrar a sentença embargada, para todos os efeitos jurídico-legais. Intimem-se as partes. Porto Velho, 09 de agosto de 2011 (terça-feira).

FRANCISCO MONTENEGRO NETO
Juiz Federal do Trabalho Substituto.

Abaixo o conteúdo da publicação no Diário Oficial da União:

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO
GABINETE DO MINISTRO
DESPACHOS DO CHEFE DE GABINETE

"O Chefe de Gabinete do Ministro do Trabalho e Emprego, no uso de suas atribuições legais, com fundamento na sentença prolatada nos autos da Ação Declaratória nº 0001086-39.2010.5.14.0002- 2ª Vara do Trabalho de Porto Velho/RO, bem como com fulcro nas Portarias 186/2008 e 43/2009, resolve ANULAR os efeitos da assembléia geral de fundação, eleição e posse da primeira diretoria, da lista de presença, do termo de sessão de posse, da ficha de qualificação dos sócios fundadores e do estatuto social do SINTRAPAV/RO - Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Pesada do Município de Porto Velho e Distritos de Jaci-Paraná, Mutum Paraná, Abunã e Vista Alegre do Abunã - Estado de Rondônia (entidade sindical inscrita no CNPJ sob o nº 10.269.560/0001-08), bem como SUSPENDER o seu REGISTRO SINDICAL, resolve, ainda, RECONHECER o STICCERO - Sindicato dos Trabalhadores na Indústria
da Construção Civil do Estado de Rondônia (entidade sindical inscrita no CNPJ sob o nº 04.236.139/0001-90) como único e legítimo representante da categoria dos trabalhadores da construção civil leve e pesada (incluídos os trabalhadores da construção de estradas, pavimentação e obras de terraplenagem em geral, construção de pontes, barragens, aeroportos, canais, ferrovias, túneis, viadutos, portos, rodovias, eclusas, obras de saneamento, montagens, indústrias, metrôs, hidrelétricas, termoelétricas e engenharia conclusiva) na base territorial do Estado de Rondônia, retificando a situação cadastral das referidas entidades para que reflita os termos da decisão ora em comento".

Ministério do Trabalho e Emprego.
Em 4 de novembro de 2011

ALEX SANDRO GONÇALVES PEREIRA
Chefe de Gabinete do Ministro do Trabalho

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Diário do Pará: Presidente de Cooperativa e Morto em Tucuruí


Diário do Pará Caderno Diário de Carajás: Rodoviária às escuras em Tucuruí


Diário do Pará no Caderno Bola e Carajás: Independente de Tucuruí com novo técnico Gian



Assassinado presidente da Cooperativa dos Moto-Taxistas de Tucuruí



Assassinado presidente da Cooperativa dos Moto-Taxistas de Tucuruí
O presidente da Cooperativa dos Moto-Taxistas da cidade de Tucuruí - ASSERMOTUC, conhecido como Vermelhinhos, Adalberto Gaia Ribeiro foi assassinado a tiros na porta da casa de seu pai na Avenida Assis de Vasconcelos por volta das 21 h.
Segundo informações dos familiares, Adalberto Gaia Ribeiro estava na residência de seu pai na Av. Assis de Vasconcelos, quando duas pessoas em uma moto se aproximaram e dispararam vários tiros no presidente dos moto-taxistas Vermelhinhos, fugindo a seguir do local, imediatamente populares acionaram o serviço de urgência 192 que socorreu Adalberto, e, a caminho do hospital ainda na ambulância chegou a óbito, sendo conduzido a Depol para os devidos registros, sendo acionada pelo delegado de plantão por volta das 22:30 h, a equipe de remoção do IML Renato Chaves, que conduziu o cadáver para a necropsia, e após a meia noite foi feita a liberação do corpo de Adalberto Gaia Ribeiro aos familiares para os funerais.
Muitos comentários dão conta que a ação foi em função da ocupação por Adalberto Gaia da função de presidente dos moto-taxistas Vermelhinhos. Mas uma grande mobilização esta ocorrendo na cidade para tentar encontrar os culpados, e coloca-los atrás das grades para elucidar os motivos que levaram ao assassinato do sindicalista. 

terça-feira, 16 de outubro de 2012

Lamentável o derramamento de dinheiro nestas eleições em Tucuruí, nunca se viu tanta COMPRA DE VOTOS de R$ 100,00, 200,00 até 500 reais


Dr. Edilson Holanda Braga Junior
O verdadeiro poder e a verdadeira justiça vem de Deus, só ele pode nos defender agora.
O Sr. Edilson Holanda Braga Junior postou em seu faceook
  
10 de outubro de 2012
Lamentável o derramamento de dinheiro nestas eleições em Tucuruí, nunca se viu tanta COMPRA DE VOTOS (de 100,00, 200,00 até 500 reais), chegou-se a ver candidatos a vereador e/ou comparsas seus, distribuindo pacotes ou sacolas de dinheiro na madrugada de domingo.

O dia amanheceu, e a compra de votos continuou voando solta em toda cidade, de novo alguns candidatos ou comparsas seus abriam abertamente sacolas de dinheiro e compravam em frente a escolas, na frente das pessoas, esquinas, alguns carros com vidros escuros serviram perfeitamente de motel político, onde só rolou a "prostituição da cidadania".
 
Muito triste. Enquanto aplaudíamos indignados os condenados no Mensalão em Brasília, aqui em nossa cidade, via-se a mesma coisa, e nós cidadãos comuns, ficamos mais uma vez indefesos, diante de flagrante vergonha! Aí alguém diz assim: "não tem prova"... E não há provas mesmo, aliás, há somente uma testemunha, e ELE é a testemunha fiel, incorruptível, que vê todas as coisas, o nosso DEUS, Ele viu, Ele testemunhou toda essa barbaridade ocorrida e vista a olhos nus em Tucuruí no dia 07 e outubro, e CREIO que nossa testemunha fiel.
 
NÃO DEIXARÁ IMPUNES aqueles que corromperam as urnas, e viciaram a vontade popular destas eleições! Uma vergonha, e meu repúdio a todos os que compraram, seja quem for, doa a quem doer, e a todos os eleitores "incautos" que venderam seus votos, fazendo sangrar mais uma vez o equilíbrio dos candidatos e a democracia das eleições!
 
Não estou postando isso, porque não consegui me eleger, não! Pois na verdade creio na soberania de Deus em nossa vida, CONTUDO, fico profundamente triste com o que aconteceu, da forma tão deslavada como aconteceu, foi uma lambança!
 
Onde está a educação e cidadania do nosso povo! E depois alguns incautos ainda dizem "que a voz do povo é a voz de Deus"... 
Deus tenha misericórdia de nós!

O Sr. Edilson Holanda Braga Junior postou em seu faceook

12 de Outubro de 2012.

Parabéns ao nosso prefeito Sancler Ferreira pelos 30 mil votos obtidos que lhe garantiram a inédita reeleição para prefeito de Tucurui! fruto do trabalho de um grupo forte e unido! Deus abençoe os amigos Jones Wilhan, Cláudio Furman e Professor Jonatas, passou a campanha, voltamos a vida comum lutando pelos mesmos ideais do progresso e da justiça, mesmo que efemeramente de lados opostos, mas nunca inimigos! como Cristão não possuo inimigos, meu inimigo é "invisível e não tem corpo" ! mas agora, temos um prefeito reeleito que precisa ser respeitado por todos, e no mínimo, deve carecer das orações de todos os tucuruienses, seja de que lado for ! Deus abençoe a todos!

Calote de empresa de Compra Premiada “Consorte”, pode ultrapassar R$ 2 milhões







Calote de empresa de Compra Premiada “Consorte”, pode ultrapassar R$ 2 milhões
A empresa de Compra Premiada Consorte, esta sendo acusada em dar um “calote” em mais de 400 clientes de Tucuruí, ultrapassando os valores de R$ 2 milhões em apropriação indébita.
A empresa Consorte que já prestava os serviços de venda de compra premiada em Tucuruí, desde o ano de 2007, foi denunciada na Depol de Tucuruí e aos promotores do Ministério Publico, em função da falta de cumprimento na entrega dos bens que eram premiados nos sorteios mensais, e quando os clientes procuravam os responsáveis para a entrega das motos, nova data para a entrega dos bens era marcada.
Na última semana a crise da Consorte teve uma reviravolta, culminando com o fechamento da loja em Tucuruí, ocorre que, insatisfeitos com o “calote” sofrido, os clientes que não receberam seus prêmios e nem a devolução do dinheiro pago ao longo de mais de três anos, conforme os planos contratados resolveram buscar seus direitos junto a Depol e ao MP.
O golpe - Cerca de 400 contratos já foram identificados pela comissão de organização dos clientes que foram engados pelos proprietários da Consorte. Segundo informações prestadas pelo radialista e cliente da Consorte Ranieri Junior, que também foi “enganado” pela quadrilha de “falsários”, pagando mais de 20 parcelas de uma compra premiada de uma moto, “agora nem o investimento e nem o patrimônio, através de um levantamento feito na lista de clientes “lesados”, mais de R$ 2 milhões foram pagos em prestações a Consorte, e até o momento os proprietários estão foragidos e sem condições de serem localizados, e quem deverá ficar no prejuízo somos nós os clientes”.
Até o mês de março deste ano a empresa Consorte era administrada por um empresário de Tucuruí, que vinha cumprindo rigorosamente a entrega aos premiados, ocorre que, os empresários da cidade de Imperatriz do Maranhão, Marcelo Gonçalves e Raimundo proprietários da empresa RM Eletromotos Ltda, envolvida no ano de 2011 em escândalo de calote em clientes na cidade de Marabá de compra premiada, encamparam a Consorte e deram continuidade nos contratos existentes, sendo que as operações de compra premiada em Tucuruí começaram a entrar em crise de má gestão, com isso, com as insistentes cobranças dos prêmios já sorteados e nunca entregues, os sócios resolveram desde a semana passada fechar a loja, sem dar nenhuma explicação aos clientes.
Polícia Civil – Ao ser acionada pelos clientes lesados no golpe da compra premiada, o delegado Jivago Ferreira, acionou os investigadores e realizaram uma ação de busca e apreensão na loja, sendo encontrados apenas computadores e contratos na sede da Consorte em Tucuruí.
Até o momento do fechamento desta edição o paradeiro dos proprietários da Consorte ainda não foi descoberto e segundo informações da comissão até a próxima quinta-feira (17), em atendimento a denúncia do MP de Tucuruí a justiça deverá expedir mandato de prisão dos sócios e de busca e apreensão dos seus patrimônios.
Relembre outro caso – Em novembro do ano passado, a Loja Eletro Real/Eletro Fácil/Mundial Eletro foi fechada pela polícia em Tucuruí, o gerente e funcionários foram levados para a Depol para prestar esclarecimentos.
Os clientes que foram lesados com a perda do dinheiro dos pagamentos dos carnês e pelo não recebimento das motocicletas prometidas até os dias atuais aguardam a localização dos proprietários para ressarcir os prejuízos.
O proprietário da empresa, como já aconteceu em outras cidades nunca foi encontrado e quem levou a pior foram os clientes que perderam todo os seus investimentos que juntaram com as maiores dificuldades ao longo dos anos. (Wellington Hugles)