Pesquise as matérias do JT:

Carregando...

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Complexo Esportivo: Mais uma obra envolvida em denúncias de irregularidades




Complexo Esportivo: Mais uma obra envolvida em denúncias de irregularidades

Complexo Esportivo, sobre suspeita de irregularidades, com a invasão da área de uma empresa particular, e a contratação de empresa de forma sinistra.

Mais uma obra do Governo Federal em Tucuruí, que o gestor Viajante líder de invasão, que usa como se fosse de seu governo obras federais.


Um desgoverno municipal desenfreado demostrando o caos, e o retrocesso municipal de Tucuruí, nunca visto, nos últimos 65 anos de emancipação da tão linda, mas atualmente tão sofrida cidade da energia, Tucuruí!!!!

Posto de Saúde imaginário do bairro do Pimental



Olha ai o Posto de Saúde do bairro do Pimental, que na propaganda enganosa do governo Sancler "Viajante" Ferreira, está em plena obra de construção, mas na verdade é tudo mentira, o que existe na verdade, é um terreno baldio sem nada sendo construído.

Que vergonha, deste incompetente desgoverno municipal!!!!!



segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Polícia Federal prende servidores públicos do Pará



A Polícia Federal iniciou, na madrugada desta segunda-feira (24), a operação "Madeira Limpa" em Belém, Ananindeua, Castanhal, Santarém, Óbidos, Oriximiná, Monte Alegre, Uruará, além de Manaus (AM) e Florianópolis (SC).

A operação cumpre mandados de prisão preventiva e temporária de 33 pessoas, incluindo servidores públicos federais e estaduais. Entre os presos estão o secretário de meio ambiente de Óbidos, Vinícius Picanço Lopes; Luiz Bacelar Guerreiro Júnior, superintendente do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) em Santarém; funcionários da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) e um integrante da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefa).

A operação desarticulou a quadrilha de comércio ilegal de madeira. O grupo é acusado de coagir trabalhadores rurais a aceitarem a exploração ilegal de madeira dos assentamentos da região Oeste do Pará, em troca da manutenção de direitos básicos, como o acesso a créditos e a programas sociais.

Segundo a Polícia Federal , o golpe ao patrimônio público é de R$ 31,5 milhões. A operação foi requerida pelo Ministério Público Federal (MPF) e autorizada pela Justiça Federal.

Também estão sendo cumpridos 37 mandados de busca e apreensão em residências de suspeitos e nos órgãos públicos envolvidos. O MPF também pediu à Justiça que quatro servidores suspeitos sejam afastados de seus cargos, e que os presos na operação sejam encaminhados ao Centro de Recuperação Sílvio Hall de Moura, em Santarém.

Corrupção ativa e passiva, associação criminosa, violação de sigilo funcional, falsidade ideológica, uso de documento falso, crimes contra a flora e crimes contra a administração ambiental são as acusações ao grupo.

Segundo as investigações do MPF, iniciadas em 2014, o grupo atuava em três frentes interligadas: um núcleo intermediador e empresarial, um núcleo operacional centralizado no Incra e um núcleo relacionado às fraudes em órgãos ambientais.


O primeiro núcleo concentrava os negociantes de créditos florestais fictícios, negociantes são conhecidos como "papeleiros", e empresas que recebiam a madeira extraída ilegalmente, o segundo núcleo atuava diretamente com o desmatamento, sob a permissão de servidores do Incra, e o terceiro núcleo ficava responsável pela mercantilização de informações privilegiadas sobre fiscalizações realizadas por órgãos ambientais, e pela liberação irregular de empresas com pendências nessas instituições.

Posto de Saúde do bairro Terra Prometida há mais de 4 anos com as obras de construção paralisadas!!!!!!


Posto de Saúde do bairro Terra Prometida há mais de 4 anos com as obras paradas, ou seja, um mandato completo do atual prefeito imperfeito Sancler  Ferreira em construção o posto de saúde pela empresa da família do "Russo" prefeito de Goianésia do Pará, e a população sem a atenção básica a saúde.

É muita incompetência, mas, Wellington Hugles desmascara as propagandas enganosas que estão proliferando na televisão  e na rádio com mentiras de obras ilusórias e inexistentes custeadas pelos cofres da Prefeitura de Tucuruí,  e por onde anda o gestor viajante!!!

Posto de Saúde do bairro do Getat há mais de 400 dias em reforma em Tucuruí


Posto de Saúde do bairro do Getat há mais de 400 dias em reforma e nada de atenção básica a saúde da população, muita incompetência e descaso, mas,o jornalista Wellington Hugles desmascara as propagandas enganosas que estão proliferando na televisão e na rádio com matérias pagas pelos cofres da Prefeitura de Tucuruí mostrando obras imaginárias e que estão abandonadas há anos na cidade pelo prefeito viajante.

Madeira Limpa: Operação desbarata quadrilha de desmatamento no Pará infiltrada nas três esferas de governo


Operação desbarata quadrilha de desmatamento no Pará infiltrada nas três esferas de governo

Grupo coagia assentados a permitirem retirada ilegal de madeira em troca da manutenção do acesso a programas sociais

Uma operação para desmontar quadrilha de comércio ilegal de madeira está sendo realizada na manhã desta segunda-feira, 24 de agosto, em vários municípios do Pará e em Manaus (AM) e Florianópolis (SC).

O grupo alvo é acusado de coagir trabalhadores rurais a aceitarem a exploração ilegal de madeira dos assentamentos do oeste paraense em troca da manutenção de direitos básicos, como o acesso a créditos e a programas sociais. O prejuízo mínimo estimado ao patrimônio público é de R$ 31,5 milhões.

Executada pela Polícia Federal após pedido do Ministério Público Federal (MPF) tendo sido acatado pela Justiça Federal, a operação Madeira Limpa tem a meta de cumprir medidas de prisão preventiva ou temporária de 33 suspeitos de integrarem a quadrilha, incluindo servidores públicos federais e do Estado do Pará. Outro objetivo é a prisão temporária de um suspeito de ter aceitado propina do grupo, o secretário de Meio Ambiente de Óbidos, Vinícius Picanço Lopes.

Entre os servidores públicos federais com prisão decretada estão integrantes do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) ― incluindo o superintendente da autarquia em Santarém, Luiz Bacelar Guerreiro Júnior ― e do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). Entre os servidores estaduais estão funcionários da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) e um integrante da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefa).

No Pará, os mandados são cumpridos em Santarém, Óbidos, Oriximiná, Monte Alegre, e Uruará, no oeste do Estado, Belém e Ananindeua, na região metropolitana, e em Castanhal, no nordeste paraense. Além dos mandados de prisão, estão sendo cumpridos 37 mandados de busca e apreensão em residências de suspeitos e nos órgãos públicos envolvidos.

O MPF também pediu à Justiça que quatro servidores suspeitos sejam afastados de seus cargos e que os presos na operação sejam encaminhados ao Centro de Recuperação Sílvio Hall de Moura, em Santarém.

Crimes – Os investigados são suspeitos de formarem grupo organizado, estruturalmente definido e com divisão de tarefas, voltado à práticas dos crimes de corrupção ativa e passiva, associação criminosa, violação de sigilo funcional, falsidade ideológica, uso de documento falso, crimes contra a flora e crimes contra a administração ambiental.

Segundo as investigações do MPF, iniciadas em 2014, o grupo atuava em três frentes interligadas: um núcleo intermediador e empresarial, um núcleo operacional centralizado no INCRA e um núcleo relacionado às fraudes em órgãos ambientais.

Enquanto o primeiro núcleo concentrava os negociantes de créditos florestais fictícios (esses negociantes são conhecidos como “papeleiros”) e empresas que recebiam a madeira extraída ilegalmente, o segundo núcleo atuava diretamente com o desmatamento, sob a permissão de servidores do INCRA, e o terceiro núcleo era responsável pela mercantilização de informações privilegiadas sobre fiscalizações realizadas por órgãos ambientais e pela liberação irregular de empresas com pendências nessas instituições.

O MPF qualificou como “cruel” o modo de atuação do núcleo concentrado no INCRA. “O grupo investigado transformou a SR30 (superintendência do INCRA que abrange o oeste paraense) em um grande balcão de negócios, fazendo uso da instituição pública, e no exercício funcional, para viabilizar a extração ilegal de madeira em áreas de assentados. Muitas vezes, a prática criminosa é realizada sob submissão dos colonos à precária situação em que são colocados. Precisam barganhar direitos que lhes são devidos em troca da madeira clandestina”, registra petição do MPF à Justiça Federal.


Coletivas de imprensa - Serão realizadas duas entrevistas coletivas para a imprensa em Santarém nesta segunda-feira, 24 de agosto. A primeira, para tratar da operação em geral, será às 10h30 na delegacia da Polícia Federal, que fica na Avenida Presidente Vargas, conjunto Jardim Liberdade, casa 11, bairro Caranazal. Às 15 horas será feito balanço dos resultados da operação. A segunda coletiva será na sede do MPF em Santarém, na avenida Cuiabá, 974, bairro Salé.

terça-feira, 18 de agosto de 2015

Prefeito Viajante: Obras imaginarias e fictícias mostrada na propaganda da PMT


Wellington Hugles desmascara as propagandas enganosas que estão proliferando na televisão e na rádio, com matérias pagas pelos cofres da Prefeitura de Tucuruí através de verbas institucionais, mostrando obras imaginárias e que estão abandonadas há anos na cidade através do desgoverno do prefeito viajante!!!!!!

sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Breu Branco: Prefeito Adimilson Mezzomo entrega nesta sexta-feira (14), a maior e mais bela praça da região a Praça da Bíblia


Breu Branco: Prefeito Adimilson Mezzomo entrega nesta sexta-feira (14), a maior e mais bela praça da região a Praça da Bíblia
O prefeito de Breu Branco Adimilson Mezzomo estará realizando nesta sexta-feira (14) a entrega da reforma geral e revitalização da maior e mais bela praça da região sul e sudeste do estado, a Praça da Bíblia.
As obras foram realizadas com recursos próprios do município, e na sua revitalização foram implantados equipamentos e serviços para atender com maior conforto, comodidade e segurança a população breuense e os visitantes e turistas de outras regiões.
Dentre os inúmeros equipamentos implantados na nova Praça da Bíblia, se destaca a colocação de guias para a orientação dos portadores de necessidades especiais, além da instalação de câmeras de monitoramento para a comodidade e a segurança dos usuários da área pública.
A Praça da Bíblia recebeu um belíssimo local com chafariz e com diversas espécies de peixes.
Mais um avanço importantíssimo garantido pela gestão Adimilson Mezzomo foi a colocação de Internet gratuita através de wifi aos visitantes deste logradouro público.
Agora as crianças poderão se divertir com o novo parquinho totalmente preparado com grama sintética, evitando o contágio e a transmissão de doenças através de dejetos de animais.
Agora o sonho do passado se tornou realidade, a nova Praça da Bíblia cartão postal de Breu Branco ficou mais linda com a nova iluminação totalmente de led.
Entrega Oficial: Nesta sexta-feira a partir das 18 h ocorrerá a festa de inauguração da Praça da Bíblia que será comandada pelo prefeito Adimilson Mezzomo, e após o descerramento da faixa inaugural a população vai poder participar do abençoado culto em ação de graças e show gospel.
Logo após a população de Breu Branco e região vai comemorar a entrega da nova Praça da Bíblia com o show da cantora paraense Viviane Batidão.
Venha você também fazer parte desta festa histórica em Breu Branco.















quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Adimilson Mezzomo em níver


O prefeito municipal de Breu Branco Adimilson Mezzomo, trocou de idade nesta quinta-feira (6), Adimilson comemora seu aniversário, mas quem ganha presentes e a população de Breu Branco, que vem recebendo investimentos de grande relevância, são centenas de quilômetros de abertura e manutenção de estradas vicinais, além de reformas e construção de escolas, postos de saúde e investimentos no grande programa de piscicultura, com a abertura de mais de 60 tanques redes escavados, em diversas localidades da zona rural, garantindo a criação de peixes em tanques, coroando investimentos na agricultura familiar.

Adimilson Mezzomo após uma luta incansável conseguiu assegurar recursos no orçamento da União, e dentro de uma força-tarefa junto com o COMPART, assinou convênio com o Ministério da Pesca, para a implantação da Unidade de Beneficiamento e Filetagem de Pescado em Breu Branco, sendo a pioneira na região, um trabalho incansável do prefeito Adimilson Mezzomo para a conclusão do projeto que atenderá a priori a demanda da criação de peixe em tanques redes do grande Lago de Tucuruí.

A população de Breu Branco está em festa em comemoração ao aniversário de Adimilson Mezzomo que tem sua vida entrelaçada com a população breuense, contribuindo muito com a criação e o desenvolvimento do município.

Breu Branco: Comunidade das Criolas realiza manifestação em defesa dos seus alunos




WELLINGTON HUGLES
De Breu Branco
Foto: Wellington Hugles

Na manhã desta quarta-feira (4), a população da Vila das Criolas, em Breu Branco, sudeste do Pará, realizou uma grande manifestação em defesa dos interesses de seus filhos, os mais de 100 alunos da Escola Municipal Castro Alves, que em função a redução do quadro de funcionários contratados pela Prefeitura de Breu Branco, tiveram sua escola fechada, com isso, sendo disponibilizado um ônibus escolar para realizar o transporte dos alunos do ensino fundamental para uma escola na zona urbana no centro da cidade, distante dezenas de quilômetros.

A revolta foi latente, os pais dos alunos atearam fogo em galhos de árvores e pneus, fechando a via de acesso a Vila das Criolas, impedindo que o ônibus escolar retornasse ao centro da cidade.

É fato, que com o fechamento da escola e das turmas de ensino fundamental, diversos professores seriam demitidos em função a rescisão do contrato de prestação de serviços com a Secretaria Municipal de Educação de Breu Branco.

Mas, após uma calorosa reunião entre os pais e a Secretária de Educação Melane Mezzomo, tudo foi resolvido e a professora e pedagoga Melane, atendendo a determinação do prefeito Adimilson Mezzomo, que se sensibilizou pelo clamor popular, decidiram manter as turmas de ensino fundamental na Escola Castro Alves na Vila das Criolas.

Segundo o prefeito Adimilson Mezzomo, todos os investimentos estão sendo priorizados para a educação no município, “garantimos o pagamento do piso salarial a todos os professores, com isso, valorizando nossos mestres, e mesmo em função as dificuldades que atravessa o município, com a redução acentuada dos repasses governamentais, a gestão de Breu Branco está realizando todos os esforços para manter em dias os pagamentos do funcionalismo público, além do funcionamento com excelência de todas as escolas, realizando ainda investimentos em infraestrutura e avançando em obras e serviços em toda a cidade e nas vilas da zona rural”.

A secretária Melane Mezzomo garantiu aos pais dos alunos da Vila das Criolas, que tudo será concretizado para manter os alunos, recebendo educação gratuita e de qualidade na localidade, mas dentro do cronograma do governo, melhorias deverão ser realizadas na escola Castro Alves, havendo a necessidade da manutenção dos alunos para a zona urbana em 2016.

A comunidade das Criolas comemorou a conquista, e agradeceu ao prefeito Adimilson e a secretária Melane Mezzomo por atenderem ao pedido da população.