Pesquise as matérias do JT:

sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

“Navegantão”: Vergonha de má gestão pública


WELLINGTON HUGLES
De Tucuruí
Foto: Divulgação

Na cidade que “tudo pode”, o clube particular profissional Independente de Tucuruí, sofre mais um golpe pela má gestão pública e incompetência da prefeitura, o estádio Antônio Dias “Navegantão”, um dos primeiros estádios públicos municipais, com padrão estadual que alavancou o futebol amador da cidade, após diversas melhorias e adequações, o “Navegantão” sempre esteve com possibilidades parta a prática de esporte, com advindo da instalação da iluminação através da empresa Eletronorte Eletrobrás que fez um excelente trabalho garantindo jogos noturnos e com um maior conforto aos jogadores e expectadores.

Durante os cinco anos da atual gestão da prefeitura de Tucuruí, o estádio “Navegantão” ficou de portas fechadas para a prática de competições amadoras através da Liga Esportiva Municipal de Tucuruí, que já atua a mais de 20 anos no esporte local, e sempre teve o estádio municipal público à disposição para realizar suas competições, inclusive, seriam na categoria amadora e juvenil que o Independente poderia encontrar novas contratações e aproveitar os jogadores locais, mas não o faz e a prefeitura não libera o estádio para os jogadores amadores da Liga Esportiva de Tucuruí, mas não está fechado para os jogos dos “apadrinhados” do prefeito e das “peladas” semanais dos amigos e do gestor, que jogam, sem chuteiras e que ocorrem diariamente a todas as horas do dia e da noite, é fato que segundo o prefeito ele investiu mais de R$ 1 milhão em melhorias no estádio, até hoje não visto pela população, obras ainda inacabadas, em função a isso e o estádio ficou interditado quase toda a primeira temporada da seletiva 2014, nesta melhoria o prefeito nunca se preocupou com a manutenção do gramado que já tem mais de 20 anos, estando sua drenagem comprometida, e em função as peladas diárias autorizadas pela prefeitura, o gramado ficou cheio de zonas de buracos culminado com o alagamento da praça de esporte em plena partida oficial e que vale três pontos no paraense, sendo suspensa a partida.

Estes fatos contribuíram para a suspensão da partida entre Independente e Paysandu, a equipe representante de Tucuruí estava vencendo por 2 X 1, mas em função a suspensão da partida aos 6 minutos do segundo tempo, e com esta atitude, corre o risco da equipe do Independente ser novamente prejudicada e podendo correr o risco de ser derrotado ou mesmo ceder um empate.


Se isso vier a ocorrer, a responsabilidade e total da gestão pública e de todos aqueles que semanalmente jogam no gramado já maltratado do estádio, sem nenhum respeito ao clube e ao esporte amador, estas pessoas que são “pseudos” defensores do esporte, e grandes “baluartes” do Independente, só prejudicam, e poderão prejudicar mais ainda, o clube que representa o município de Tucuruí e muito recebe dos cofres públicos da prefeitura para sua manutenção na competição.

Acidentes ocorridos na noite chuvosa desta quinta-feira (30) foram em Moju na PA 150


Dois acidentes marcaram a noite desta quinta-feira (30) no município de Moju, no nordeste paraense. Dois veículos se envolveram em diferentes ocorrências, e uma pessoa acabou falecendo.

Segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), o primeiro acidente ocorreu por volta das 21h, na altura do quilômetro 30 da rodovia PA-150. Um caminhão que segui pela via perdeu o controle e saiu da pista, tombando no acostamento. O motorista faleceu no local. Uma equipe da PRE acompanha o caso.

O segundo acidente ocorreu por volta das 22h, também na rodovia PA-150, mas em um trecho próximo ao município de Abaetetuba. De acordo com a PRE, uma caminhonete que seguia pela via capotou após perder o controle ao passar em um buraco na pista. O motorista ficou ferido e recebeu atendimento médico.

Equipes da PRE estão nos locais dos dois acidentes para orientar os motoristas que trafegam na região.

Graças a Deus, foi apenas uma confusão com a Vila Mojuzinho, com o município onde ocorreu os dois acidentes no município de Moju, tranquilizando os familiares dos motoristas e passageiros que trafegam pelas estradas da região.

quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Complemento da partida entre Paysandu e Independente será nesta sexta às 9:30 h de portões abertos ao público

Jogo paralisado com o placar de Independente 2 X 1 Paysandu

A partida entre Independente e Paysandu chegou a ser dramática até os seis minutos da segunda etapa, porém nada teve a ver com o desenrolar do futebol disputado em campo, mas sim pela chuva torrencial que caiu na noite desta quinta-feira (30), em Tucuruí.

Com o estado do gramado impraticável, o árbitro Joquetan Guimarães paralisou o jogo aos seis minutos do segundo tempo, quando o Independente vencia a equipe bicolor pelo placar de 2 a 1.

Amparados no primeiro parágrafo do artigo 28 do regulamento do Campeonato Paraense 2014, a arbitragem decidiu que o jogo será disputado no dia seguinte, na manhã desta sexta-feira (31), às 9:30 h, n estádio Navegantão com portões abertos para o público.

FICHA TÉCNICA:

Independente: Alan; Léo Rosa, Marraquete, Cristovam e Fábio Gaúcho; Evandro Pará, Chicão, Daniel, Piauí e Kariri; Wegno e Joãozinho.
Técnico: Lecheva

Paysandu: Matheus; Djalma, Charles , João Paulo e Airton; Augusto Recife, Ricardo Capanema (Pikachu), Zé Antônio e Djalma; Helivelton e Lima.
Técnico: Mazola Júnior

Árbitro: Joquetan Moreira Guimarães
Assistentes: Luis Diego Lopes e Rafael de Jesus Costa


Cartões amarelos: Augusto Recife (Paysandu), Wegno (Independente)

Festa de inauguração da nova sede da Comaspa em Tucuruí










WELLINGTON HUGLES
De Tucuruí
Foto: Wellington Hugles

Com uma grande participação dos cooperados, a diretoria da Cooperativa Mista de Transporte de Passageiros, Cargas Fretes e Turismo da Região Sul e Sudeste do Estado do Pará (Comaspa), através da excelente administração que tem a frente o competente presidente Valdemar Rodrigues e vice Willes Amorim, realizou na noite desta quinta-feira (30), a inauguração da nova sede da entidade, um local amplo e que garante um melhor atendimento aos seus sócios, com auditório e toda a estrutura para a excelência dos trabalhos.

A solenidade teve início as 19:30 h e contou com a presença de diversas autoridades, o Deputado Federal Lucio Vale veio especialmente para prestigiar a entrega da nova sede, bem como o gerente regional da Arcon Edinaldo Sousa, o vereador Cleuton Marques esteve representando o poder legislativo, o empresário James Almeida que sempre esteve parceiro a Comaspa também participou da solenidade, mas os convidados especiais foram os cooperados de Tucuruí e região que lotaram o auditório e todas as dependências da nova sede.

Em todos os pronunciamentos os oradores parabenizaram o presidente Valdemar Rodrigues e Willes Amorim, em função da grande administração frente à entidade, e o grande trabalho em prol dos associados. O deputado Federal Lúcio Vale, confirmou a parceria já em andamento com a Comaspa e garantiu trabalhar para o desenvolvimento da entidade e da região.

O presidente Valdemar Rodrigues já coroa seu terceiro mandato na Comaspa, e superou nesta gestão as expectativas, inaugurando um moderno e luxuoso prédio sede da Comaspa.


Após o evento, foram sorteados diversos brindes e servido um requintado coquetel aos presentes.

Comaspa inaugura sede própria em Tucuruí

Nova sede da Comaspa em Tucuruí

WELLINGTON HUGLES
De Tucuruí
Foto: Wellington Hugles

A Cooperativa Mista de Transporte de Passageiros, Cargas Fretes e Turismo da Região Sul e Sudeste do Estado do Pará (Comaspa), através da excelente atuação de sua diretoria que tem a frente o competente presidente Valdemar Rodrigues, realizará nesta quinta-feira (30), a inauguração da moderna e luxuosa sede administrativa da Comaspa em Tucuruí, o evento contará com a presença de inúmeras autoridades, os sócios e do deputado federal Lúcio Vale, que veio especialmente para prestigiar o evento.

O presidente da Comaspa Valdemar Rodrigues esclareceu que esta luta e de muitas gestões anteriores, “desde 1993 já tínhamos adquirido o terreno e nos últimos anos com o apoio dos nossos cooperados alavancamos a construção do prédio, e hoje comemoramos esta meta concluída, sendo um espaço para nossos sócios e um marco em nossa gestão a frente da Comaspa”.


A solenidade de inauguração ocorrerá hoje as 20 h, a nova sede fica localizada no bairro Jardim Marilucy atras do Hotel Sevilha.

Quadrilha explode e assalta duas agências bancarias em Viseu


Uma quadrilha explodiu e assaltou os caixas eletrônicos de duas agências bancárias no município de Viseu, no nordeste paraense. A ação da quadrilha começou por volta de 1h da madrugada desta quinta-feira (30) e provocou pânico na cidade.

As agências que foram alvos dos bandidos são as do Banco do Brasil e do Banpará. Usando armamentos de grosso calibre, a quadrilha, que se locomovia em dois carros, trocou tiros com a polícia militar e conseguiu fugir.
Informações não confirmadas dão conta de que policiais foram feitos reféns pela quadrilha durante a execução do assalto.


A Polícia Militar ainda não informou qual a quantia roubada e detalhes sobre a caça ao bando. Em agosto do ano passado, uma quadrilha levou R$ 200 mil da agência do Banpará em Viseu e os suspeitos foram presos pela polícia.

Goianésia do Pará: Mais uma execução em 24 horas


WELLINGTON HUGLES
De Goianésia do Pará

Por volta das 11 h da manhã desta quarta-feira (29), apenas 24 horas após outra execução ocorrida no centro de Goianésia do Pará onde o proprietário de uma academia de musculação foi executado com um tiro na cabeça por dois nacionais em uma motocicleta, mais um assassinato foi registrado na Vila Aparecida, localizada as margens da PA 150, no município de Goianésia do Pará, distante 40 km da sede, o nacional Judeval Alves Neves, 19 anos, natural da cidade de Curionópolis, foi executado com um tiro de arma de fogo, por um elemento que estava em uma motocicleta, o tato ocorreu próximo a sua casa na Rua Moju na Vila Aparecida, o homicida após ter efetuado o tiro fugiu do local na moto.

Segundo informações do Comando da Polícia Militar de Goianésia do Pará, o nacional Judeval Alves Neves, mesmo sendo um rapaz de apenas 19 anos, já tinha varias passagens pela Delegacia da cidade, por desordem, ameaças e roubos.

O homicídio foi registrado na Delegacia de Polícia de Goianésia do Pará, a autoridade policial requisitou a remoção do corpo, e por volta das 17 h a equipe do IML chegou a Vila Aparecida, sendo encaminhado ao IML de Tucuruí para necropsia, o féretro foi liberado para os familiares que após o velório, será sepultado no cemitério público da cidade.


É muito estranho, que em menos de 24 horas dois homicídios tenham ocorrido de forma brutal em Goianésia do Pará, inclusive, com suspeita dos mesmos modos operantes, as investigações terão que verificar se os dois crimes tem alguma ligação, tudo leva crer que pode estar ocorrendo silenciosamente uma “queima de arquivo”, só ainda não se sabe por quais motivos.

Tucuruí: Polícia Militar recupera mais de R$ 50 mil em joias roubadas






 



WELLINGTON HUGLES
De Tucuruí
Foto: Wellington Hugles

Na manhã desta quarta-feira (29), em uma operação desenvolvida através do Comando da 15ª Zona de Policiamento da Polícia Militar de Tucuruí com o apoio da equipe do Policiamento Velado, que intensificou as investigações e conseguiu elucidar o arrombamento, com furto de vários objetos e mais de R$ 50 mil em joias em uma residência no bairro Jardim Marilucy.

O roubo ocorreu na última sexta-feira (24), mas através do sistema de monitoramento da residência, as câmeras gravaram toda a ação delituosa, que culminou com a elucidação dos autores, sendo presa a nacional Débora Bezerra da Silva, conhecida da polícia como “Loira do Tráfico”, onde, no momento da abordagem em sua residência localizada no bairro Luz e Liberdade, foi encontrada em sua posse, uma grande quantidade de drogas, relógios, além de munição para armamento de grosso calibre.

Em função de todo o trabalho de investigação executado pela equipe de policiamento velado, a “casa caiu para” a “Loira”, que não titubeou e confessou seu envolvimento com o roubo na residência no bairro Jardim Marilucy, confessando e denunciando que a ação foi executada pelo seu filho menor de 15 anos, que estaria de posse de uma grande parte das joias de ouro subtraídas da casa.

A equipe comandada pelo Capitão Jonildo titular da 15ª Zpol, acompanhado do Soldado Bezerra e com o apoio da equipe do Velado, se dirigiu até o município vizinho de Breu Brando, local informado pela “Loira”, e conseguiu localizar no bairro do Japão, a casa onde o menor estava escondido, com a sua apreensão, o adolescente informou aos militares que o “bagulho” não estava com ele, e sim “malocado” próximo às margens do Rio Tocantins ali próximo, indicando a localização das joias aos militares, que foi subtraída da residência no bairro Jardim Marilucy, em Tucuruí.
Um saco com diversas peças de ouro, entre pulseiras, cordões, anéis e brincos foram recuperados na operação.

Com o sucesso na investida, imediatamente a equipe retornou a Tucuruí e realizou a apresentação perante a autoridade policial da Seccional de Tucuruí, delegado Sandro Rivelino, que tomou as providências cabíveis dentro do que rege o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), sendo comunicado a apreensão do menor infrator ao Ministério Público e ao Conselho Tutelar de Tucuruí.

A suspeita de tráfico e de envolvimento com o roubo na residência, Débora Bezerra da Silva, conhecida como “Loira do Tráfico”, genitora do menor infrator, foi indiciada e responderá pelos crimes previstos no Código Civil Brasileiro.
Além do material furtado da residência, também foi encontrado na posse do menor um Playstation e duas fontes de receptores da Sky.

Segundo o Capitão Jonildo, essas ações infratoras tem que ser denunciadas a Polícia, “por que a PM não está parada, e os meliantes que pensarem que vão roubar a população e passarem despercebidos, estão muito enganados, pois tenham a certeza, que, mais dia, menos dia, eles serão identificados e vão parar atrás das grades”.




quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Weber Galvão comemora níver em família

Weber Galvão 

O dia 29 de janeiro foi todo de felicidades ao amigo Weber Galvão, pela passagem de seu aniversário.


Weber sempre foi uma pessoa de um coração bondoso e de um amor impar, seus amigos, correligionários do PT, admiradores e em especial seus familiares, lhe desejam muitos anos de vida e sucesso em toda a sua jornada, que Deus em toda sua onipotência continue a guiar seus passos, conservando este ser de grande amor e bondade. 

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Rebelião encerrada na Casa Penal de Tucuruí

















WELLINGTON HUGLES
De Tucuruí
Fotos: Wellington Hugles

Passado oito horas de rebelião dentro do Centro de Recuperação de Tucuruí (CRRT), os detentos amotinados resolveram liberaram o agente prisional Benedito Costa da Costa, que não sofreu nenhum ferimento, e após reunião que contou com a presença da juíza de Tucuruí Dra. Cíntia Beltrão, Promotor de Justiça Charles Teixeira, os representantes da Defensoria Pública e da Ordem dos Advogados do Brasil- OAB, Secção Tucuruí, e com a chegada do Superintendente do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe), Tenente Coronel André Moura, uma exigência dos detentos, uma comissão formada por internos participaram de uma reunião de sala fechada para tratar das reinvindicações e questionamentos dos apenados, que culminou com três rebeliões em menos de um mês no Centro de Recuperação de Tucuruí (CRRT).

Foi momentos de muito desespero para os familiares dos quase 320 internos do Centro de Recuperação de Tucuruí (CRRT), que desde as primeiras horas da manhã desta terça-feira (28), tomaram de refém o agente prisional Benedito Costa, no momento do café da manhã.

A rebelião foi anunciada dentro da carceragem, e imediatamente a equipe do Tático com o reforço das guarnições da PM, foi acionada e passaram a manter a ordem e a segurança dentro da casa penal para evitar fugas, cerca de 30 policiais militares estavam envolvidos na ação.

Por volta das 10:00 h, com a chegada da juíza de Tucuruí Dra. Cíntia Beltrão, em companhia do Promotor de Justiça Charles Teixeira, os detentos foram ouvidos e receberam a orientação que da parte judicial, seria criada uma força tarefa, no sentido de analisar todos os processos dos internos que tramitam na Comarca de Tucuruí, e com o máximo de brevidade seriam tomadas as medidas cabíveis, verificando caso a caso os processos pendentes de sentença.

As 11:30 h, o avião vindo de Belém com o Superintendente do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe), Tenente Coronel André Moura, chegou a Tucuruí, as 12:30 h, as autoridades convocados pelos detentos, a juíza de Tucuruí Dra. Cíntia Beltrão, Promotor de Justiça Charles Teixeira, os representantes da Defensoria Pública e da Ordem dos Advogados do Brasil- OAB, Secção Tucuruí e o Superintendente do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe), Tenente Coronel André Moura, tiveram uma reunião de portas fechadas com a comissão dos internos, e após quase duas horas anunciaram que o Centro de Recuperação de Tucuruí (CRRT), será um “projeto piloto” de um novo programa do estado, garantindo a reforma em toda a sua estrutura, com sua ampliação, assim como, serão redirecionados todo o sistema de esgoto do prédio, bem como, melhorias nos espaços para que garantam maior qualidade de convivência, durante o cumprimento das penas dentro da casa penal.

Ficou definido ainda, que o poder judiciário fará uma ação com o intuito de analisar todas as demandas processuais dos apenados, que necessitam serem sentenciados, e com isso, os detentos que já tenham adquirido seu benefício ou mesmo tenham cumprido suas penas, serão liberados.
O Superintendente do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe), Tenente Coronel André Moura, anunciou a imprensa, que o atual diretor Tenente Coronel Melo, em função de estar realizando um excelente trabalho na administração do Centro de Recuperação de Tucuruí, será mantido na direção da casa penal, e que tudo será feito para realizar a transferência dos presos, com isso, garantindo a diminuição do número de detentos para diminuir a superlotação da casa penal de Tucuruí.

Segundo o superintendente, a alimentação será fiscalizada para que sejam fornecidos alimentos que atendam a um padrão de qualidade e a água de consumo dos detentos será regularizada e com abundância.

A comissão de detentos ouviram atentamente os esclarecimentos das autoridades e pincipalmente do Superintendente da Susipe, e deram total apoio nas suas decisões e promessas de melhorias e reorganização da casa penal de Tucuruí em médio e longo prazo, mas deixaram bem claro que não aceitam a permanência do atual diretor Melo e de seus vice-diretores, com isso, em longo prazo as promessas do superintendente serão aguardadas, mas a transferência do atual diretor e de seus vice-diretores e questão imediata e inegociável.

Por volta das 15 h os policiais militares deram início à revista em todas as celas, dezenas de estoques e celulares foram encontrados, foi realizada a troca de todos os cadeados das celas, as 17 h, o Centro de Recuperação de Tucuruí (CRRT), voltou à normalidade, mas em função a superlotação, corre o risco a qualquer momento este “barril de pólvora”, estar novamente “prestes a explodir”.


Níver de Rafaela Reis

O casal Rafaela Reis e Vieira Almeida

Nesta data tão especial 28 de janeiro, uma homenagem singela a aniversariante do dia Rafaela Reis, de seu apaixonado e amor de sua vida seu marido José Vieira Almeida, neste pouco tempo de casamento passei momentos especiais e inesquecíveis ao seu lado Rafaela Reis, por isso quero que esta data se repita por milhões e milhões de anos, depois que você entrou na minha vida, encheu meu coração de amor e minha vida de felicidades, durante toda a minha eternidade quero você sempre ao meu lado meu único amor.


Te amo e feliz aniversário do seu Vieira.

Homem e morto com um tiro na cabeça em Goianésia do Pará




WELLINGTON HUGLES
De Tucuruí
Foto: Wellington Hugles

Por volta das 11:15 h desta terça-feira, as margens da PA 150, próximo a uma churrascaria na avenida principal da cidade de Goianésia do Pará, ocorreu mais um homicídio na cidade, que vitimou Rone Morais Silva, 34 anos, morador da Rua JK (Centro), a vítima era proprietário da Academia de musculação “Corpo em Forma”, localizada no centro de Goianésia do Pará, sudeste paraense.

Segundo informações prestadas por testemunhas que presenciaram o momento da execução de Rone, o rapaz estava retornando da escola onde foi buscar seu filho de 5 anos que vinha na garupa da motocicleta Pop 100, quando foi surpreendido por dois meliantes em uma motocicleta sem placa, um dos elementos disparou um tiro certeiro na cabeça de Rone Morais, os autores do atentado fugiram do local.

A vítima por ser uma pessoa de boa índole e conhecida por todos na cidade, foi socorrido as pressas pela equipe do SAMU e levado para o Hospital Regional de Tucuruí, distante 70 km do município onde ocorreu o atentado, infelizmente por volta das 12:30 h, quando a ambulância chegou em Tucuruí à vítima Rone Silva já estava sem vida.

O corpo de Rone Silva foi removido para o IML de Tucuruí e os familiares providenciaram o translado para Goianésia do Pará onde o féretro será velado e na tarde desta quarta-feira (29), será sepultado no cemitério público da cidade.

A população clama por providências das autoridades locais e estaduais, haja vista, estar impossível viver em uma “cidade sem lei”. Onde a criminalidade impera e toma as rédeas da situação, sendo este mais um crime que não terá solução?

Que será lembrado apenas nas estatísticas da segurança pública, sem observarem que mais uma família ficou enlutada, onde Rone Morais Silva deixa esposa e filhos sem o apoio e o amor de seu marido e pai, que foi assassinado de forma cruel e implacável em uma via pública da cidade de Goianésia do Pará em pleno meio-dia.


Ipod “caguetou” o arrombador “Tanque”

Após induto de Natal, foragido da justiça realiza arrombamentos na Vila Permanente

WELLINGTON HUGLES
De Tucuruí
Foto: Divulgação

Foi localizado na manhã desta segunda-feira (27), após ter realizado dois arrombamentos de residências na Vila Permanente, em Tucuruí, o nacional Roseano Palmeiras Dias, vulgo “Tanque”, foragido do Centro de Recuperação Regional de Tucuruí, após ter sido beneficiado com o induto de Natal, mas mesmo após a visita ao Papai Noel, o detento não retornou à casa penal.

“Tanque” que e suspeito de ter realizado o primeiro arrombamento em uma residência na Vila Permanente na noite do último dia 23, e após o sucesso de sua ação criminosa “Tanque” retornou na madrugada do domingo (26), e fez a limpeza em outra residência na Vila Permanente, subtraindo da casa, notebook, ipod, hd externo, bijuterias, perfumes e um ultrabook.

Por sorte as vítimas tiveram a ideia de rastrear o ipod, sendo que a guarnição da PM da Vila Permanente através dos Soldados Viveiros e A. Barros conseguiu rastrear o aparelho eletrônico ipod roubado da casa da vítima, sendo que o sinal os levou exatamente ao local onde o assaltante estava escondido na resdiencia de sua companheira no bairro Palmares II, “Tanque” ao observar a chegada da PM, saiu pulando as cercas dos quintais dos vizinhos, mesmo com o cerco fechado, o foragido da casa penal “Tanque” conseguir "pinar", mas a PM garante que sua recaptura e questão de tempo.

Apenas o ultrabook não foi recuperado com o arrombador, “Tanque”, que deve ter passado ao seu parceiro de arrombamentos. O estante do produto do roubo foi entregues a família vitimada.

O Comandante da 15ª Zpol de Tucuruí Capitão Jonildo pede aos moradores da cidade que por ventura venham a identificar o meliante através da foto que denunciem imediatamente para os telefones 190 ou 181, ou procurem a Seccional de Tucuruí. 

Superintendente da Susipe chega a Tucuruí

 Superintendente do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe), Tenente Coronel André Moura





WELLINGTON HUGLES
De Tucuruí
Fotos: Wellington Hugles

Por volta das 11:30 o Superintendente do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe), Tenente Coronel André Moura, chegou de avião em Tucuruí, sudeste paraense, dirigindo-se diretamente para o Centro de Recuperação de Tucuruí (CRRT), onde também ouviu dos detentos rebelados as inúmeras denuncias e as privações que segundo eles, passam dentro do CRRT, tudo em função ao não cumprimento do acordo celebrado no último dia 22, no momento da manifestação de “socorro”, entre os internos e o diretor Melo, além da situação sub-humana que atravessam dentro do Centro, e exigem melhorias estruturais e a diminuição do número de detentos do Centro de Recuperação Regional de Tucuruí (CRRT), que deveria operar com 120 internos e hoje ultrapassam 320 detentos, colocando em risco a integridade física e à saúde, tanto dos apenados como dos funcionários e prestadores de serviços, assim como dos Polícias Militares que fazem a proteção do CRRT.

A Polícia Militar contínua com o contingente de 14 militares do Tático da PM e mais dez Policias Militares, comandados pelos quatro oficias da Polícia Militar do Pará presentes no Centro.
O superintendente André Moura esta neste momento ouvindo as reinvindicações dos rebelados que exigem a transferência imediata do Tenente Coronel Melo da direção do Centro de Recuperação de Tucuruí, por entenderem que os modos administrativos do diretor estão contrários a realidade que hoje atravessa os centros de recuperação do estado.

Na oportunidade os familiares aglomerados na frente do Centro, também denunciaram que, “seus filhos e maridos estão passando as piores privações, sendo obrigados a conviver em uma cela com uma capacidade máxima que seria de 40 internos, hoje convivem com 70 presos, os internos são obrigados a dormirem dentro dos banheiros fétidos, em redes em cima da pia e do vaso sanitário”.


Os familiares esclarecem ainda, que ainda não era de conhecimento do superintendente da SUSIPE as ações impostas pelo diretor Melo, segundo os familiares, “passamos a ser maltratadas no momento de nossas visitas, em função de termos afirmados na rebelião passada, quando o diretor Melo ainda estava de férias de Natal, que nós as mulheres dos detentos somos assediadas moralmente e até sexualmente”.

Juíza e Promotor atendem a chamada dos detentos



 Juíza da Comarca de Tucuruí, Dra. Cíntia Beltrão ouve os rebelados
Promotor de Justiça Charles Teixeira juntamente com o Comandante do CPR IV Coronel Barata, negociam a liberação do refém e ouvem as demandas dos internos rebelados

WELLINGTON HUGLES
De Tucuruí
Fotos: Wellington Hugles

A juíza da Comarca de Tucuruí, Dra. Cíntia Beltrão em companhia do Promotor de Justiça Charles Teixeira, chegaram ao Centro de Recuperação de Tucuruí (CRRT), por volta das 11 h, acompanhados dos 14 militares do Tático da PM e mais dez Policias Militares, comandados pelos quatro oficias da Polícia Militar do Pará presentes no Centro, imediatamente tiveram acesso à carceragem do CRRT onde está ocorrendo à rebelião, e ouviram as reclamações e as denuncias dos detentos rebelados, e na oportunidade, todas as demandas dos internos foram anotadas e serão levadas para análise, e posterior providências por parte das autoridades que cabem à responsabilidade de direito.

Na rebelião de hoje, os detentos fizeram de refém o agente prisional da Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe), de nome Benedito lotado no CRRT, e com a chegada da Juíza e do Promotor de Justiça o refém foi liberado.

Desde as primeiras horas da manhã desta terça-feira (28), os internos do Centro de Recuperação de Tucuruí (CRRT), tomaram de refém o agente prisional da Susipe Benedito, e exigia a presença da juíza da comarca de Tucuruí e do superintendente da Susipe, para ouvirem as carências que passam os internos do CRRT, tudo em função ao não cumprimento do acordo celebrado no último dia 22 no momento da manifestação de “socorro”, entre os internos e o diretor Melo, além da situação sub-humana que atravessam dentro do Centro, e exigem melhorias estruturais e a diminuição do número de detentos do Centro de Recuperação Regional de Tucuruí (CRRT), que deveria operar com 120 internos e hoje ultrapassam 320 detentos, colocando em risco a integridade física e à saúde, tanto dos apenados como dos funcionários e prestadores de serviços, assim como dos Polícias Militares que fazem a proteção do CRRT.

Os familiares também denunciaram que, “nossos filhos e maridos estão passando as piores privações, sendo obrigados a conviver em uma cela com uma capacidade máxima que seria de 40 internos, hoje convivem com 70 presos, os internos são obrigados a dormirem dentro dos banheiros fétidos, em redes em cima da pia e do vaso sanitário”.


Até o momento o Centro de Recuperação Regional de Tucuruí está velado, a imprensa ainda não teve acesso, mas com a chegada das autoridades o refém foi liberado, mas os detentos aguardam ainda a chegada do representante da Susipe de Belém, para cobrarem a transferência imediata do Tenente Coronel Melo da direção do Centro de Recuperação de Tucuruí.

Detentos rebelados no Centro de Recuperação Regional de Tucuruí

FOTOS EXCLUSIVAS WELLINGTON HUGLES







WELLINGTON HUGLES
De Tucuruí
Fotos: Wellington Hugles

Passado uma semana do princípio de rebelião e da manifestação de “socorro” dos detentos do Centro de Recuperação de Tucuruí (CRRT), realizada no último dia 22, cobrando providências urgentes das autoridades pela situação caótica que atravessa o CRRT, com uma população carcerária que triplicou nos últimos três anos, e para piorar, naquela ocasião os detentos estava há três dias sem receber alimentação, assim como, água potável é um produto de luxo, onde os detentos para receberem água gelada são obrigados a pagar uma “taxa”.

Na rebelião de hoje, os detentos fizeram de refém o agente prisional da Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe), de nome Benedito lotado no CRRT, e prometem só liberá-lo após a chegada das autoridades requisitadas pelos rebelados.

Desde as primeiras horas da manhã desta terça-feira (28), os internos do Centro de Recuperação de Tucuruí (CRRT), tomaram de refém o agente prisional da Susipe Benedito, e exigem a presença da juíza da comarca de Tucuruí e do superintendente da Susipe, para ouvirem as carências que passam os internos do CRRT, tudo em função ao não cumprimento do acordo celebrado no último dia 22 no momento da manifestação de “socorro”, ente os internos e o diretor Melo.

A Polícia Militar do Pará já esta dentro do CRRT, para garantir a ordem pública, e intermediar a liberação do refém e encerrar a rebelião, garantindo a presença das autoridades para ouvir as demandas dos rebelados, com o apoio do Grupo de Operações Especiais, tanto o comandante da Zpol Capitão Jonildo como o comandante da IV Regional Coronel Barata estão à frente da operação.

Segundo informações da PM, os rebelados querem ser ouvidos pela juíza de Tucuruí para a celeridade dos processos de detentos que já cumpriram suas penas, bem como a reversão de penas para regime semiaberto e aberto.

Também esta sendo aguardada a presença do representante da Susipe, que já estaria dentro de um avião em Belém a caminho de Tucuruí, onde os detentos exigem a remoção imediata do atual diretor Tenente Coronel Melo, pelas inúmeras irregularidades cometidas pelo diretor, denunciadas pelos detentos e seus familiares, assim como o não cumprimento do acordo celebrado na última manifestação.

Até o momento o clima esta controlado, apenas o agente está refém dos detentos, segundo os internos com a chegada das autoridades no Centro de Recuperação, o agente será liberado e a rebelião será encerrada, após serem ouvidos e ser oficializada a retirada do Tenente Coronel Melo da direção do CRRT.

Disparidades – Os detentos denunciam a situação sub-humana que atravessam dentro do Centro, e exigem melhorias estruturais e a diminuição do número de detentos do Centro de Recuperação Regional de Tucuruí (CRRT), que deveria operar com 120 internos e hoje ultrapassam 320 detentos, colocando em risco a integridade física e à saúde, tanto dos apenados como dos funcionários e prestadores de serviços, assim como dos Polícias Militares que fazem a proteção do CRRT.

Os familiares também denunciam que, “nossos filhos e maridos estão passando as piores privações, são obrigados a conviver em uma cela com uma capacidade máxima que seria de 40 internos, hoje convivem com 70 presos, os internos são obrigados a dormirem dentro dos banheiros fétidos, em redes em cima da pia e do vaso sanitário”.

Até o momento o Centro de Recuperação Regional de Tucuruí está velado, a imprensa ainda não teve acesso à parte interna, mas tudo será equacionado nas próximas horas com a chegada das autoridades requisitadas pelos internos rebelados.

Susipe - Segundo a Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe), a ação começou às 6:30 h, durante a entrega do café da manhã. 

Nove internos da cela oito do bloco B fizeram um agente prisional refém.