Pesquise as matérias do JT:

sexta-feira, 9 de maio de 2014

TCM aprova por unanimidade as contas do exercício de 2005 de José Vieira de Almeida

José Vieira de Almeida esta sendo cogitado para reassumir presidência da Câmara de Tucuruí
Decisão publicada no Diário Oficial do Estado do Pará, com a aprovação por unanimidade dos Conselheiros do TCM,  da prestação de contas de 2005 do ex-presidente da Câmara de Tucuruí Jose Vieira de Almeida

WELLINGTON HUGLES
De Tucuruí
Foto: Divulgação

Em sessão do Tribunal de Contas dos Municípios do Estado do Pará, no último dia 17 de dezembro de 2013, os Conselheiros do TCM, apreciaram o recurso de reconsideração, interposto pelo ex-presidente da Câmara de Vereadores de Tucuruí José Vieira de Almeida que foi o ordenador das despesas no exercício de 2005, e aprovou por unanimidade a prestação de contas de 2005, acompanhado o Relator Sérgio Dantas, expedindo o competente Alvará de Quitação.

Os Conselheiros do TCM, após nova análise da decisão tomada através do Acordão Nº 18.767 de 2009, que há época, após analisarem as contas do exercício de 2005 apresentadas pelo ex-presidente da Câmara de Tucuruí José Vieira de Almeida, decidiram recomendar pela desaprovação das contas do ex-presidente do exercício de 2005.

Após a ciência da decisão tomada pela Corte do TCM, José Viera de Almeida, apresentou sua defesa, com o detalhamento completo onde foram investidos os valores recebidos ao longo dos 12 meses do ano de 2005, e comprovou com os documentos, que em nenhum momento de sua gestão frente ao legislativo tucuruiense, houve qualquer situação que levasse a não aprovação de suas contas no período que estava presidente em 2005.

Com a formatação de sua defesa, através de seus advogados, que impetraram o recurso de reconsideração da decisão tomada em 2009, que através do Acordão nº 18.767, recomendava pela não aprovação das contas apresentadas pelo ordenador de despesas José Vieira de Almeida, após análise, os Conselheiros do TCM tomaram por unanimidade a decisão pela aprovação total da prestação de contas de 2005, sem nenhuma restrição ou recomendação.

Com o recurso, nova sessão para apreciação detalhada foi realizada pelos Conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios, realizada no último dia 17 de dezembro de 2013, após reconsideração decidiram por unanimidade pela aprovação das contas do ex-presidente da Câmara Municipal de Tucuruí José Vieira de Almeida, no exercício financeiro de 2005 através do Acordão Nº 24.256/TCM.

Boatos - É fato, que muitas especulações tomaram corpo nas conversas de “esquinas da cidade”, que tiveram maior envergadura durante o período eleitoral, em face, que José Vieira disputava uma vaga no legislativo de Tucuruí, mas desde o ano de 2009, já tramitava recurso junto ao TCM, juntamente com o pedido de reconsideração do Acordão.

José Viera de Almeida, sempre primou pela transparência em sua gestão, no período que administrou a Câmara de Tucuruí, foi sua a iniciativa da realização dos procedimentos licitatórios públicos e divulgados nos meios de comunicação para a contratação de empresas de fornecimento de matérias de consumo e serviços, para atender com excelência aos trabalhos do legislativo municipal, colocando ainda, a disposição trimestralmente à prestação de contas de sua gestão para a análise dos vereadores e da população da cidade.

Aprovação - A decisão do TCM colocou um fim na polêmica criada com referência à prestação de contas do atual vereador Jose Vieira de Almeida, que provou aos Conselheiros do TCM, que nenhum centavo da Câmara foi utilizado de forma irregular, inclusive, o Tribunal de Contas dos Municípios, já determinou a expedição de alvará de quitação, que é a prova cabal da ilibada prestação de contas apresentada pelo ex-ordenador de despesas no exercício da presidência da Câmara de Vereadores de Tucuruí no ano de 2005.

Eleição da Casa de Leis – Por outro lado, a decisão do TCM é um passaporte para sua recondução ao comando da Câmara de Vereadores, que deixou uma marca de desenvolvimento e transparência, José Vieira, foi eleito vereador em 2012, com uma excelente votação que totalizou 1.213 votos, e hoje atua como líder do prefeito Sancler Ferreira na Tribuna da Câmara, e está cogitado para assumir a presidência da Casa de Leis pela segunda vez, contando atualmente com o apoio da maioria absoluta dos 13 vereadores.


2 comentários:

  1. é muita sacanagem como é que pode um cara desse ai que Deus nos livre dessa coisa

    ResponderExcluir
  2. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk. esse suposto jornalista é muito mercenário,interesseiro,aproveitador e demagogo mesmo.fala mal do prefeito e rasga babação pro seu líder na câmara. idiota mesmo.

    ResponderExcluir