Pesquise as matérias do JT:

domingo, 8 de junho de 2014

“Rebarbada”: PM tira de rota mais uma suspeita de venda de entorpecentes no “Corre água”








WELLINGTON HUGLES
De Tucuruí
Foto: Wellington Hugles

Por volta das 2:30 h  da madrugada deste domingo (8), a equipe da 15ª Zona de Policiamento de Tucuruí (Zpol), que tem a frente como comandante o Capitão Jonildo, juntamente com o Cabo Autran e os Soldados Arthur e Vinicius, conseguiram deter por suspeita da prática ilícita do comércio ilegal de venda de entorpecentes em via pública, na Rua Assis de Vasconcelos “Corre água”, no bairro da Matinha em Tucuruí, sudeste do Pará.

Segundo os militares, que estavam em ronda pela madrugada, na garantia do sossego e na prevenção da segurança da população. A guarnição da Zpol avistou duas mulheres em atitude suspeitas, em via pública, sendo “assediadas” por muitas pessoas, a equipe da PM, ao aproximar-se do local, observou uma revoada dos viciados do local, deixando apenas a nacional Daniela dos Santos Nunes, 21 anos, que estava na companhia de uma menor de 16 anos, ambas moradoras do bairro da Matinha.

Na abordagem, Daniela Nunes, “se rebarbou”, e afirmou que nada tinha haver com a suspeita imputada pelos militares, e que não aceitaria ser revistada pelos PMs, inclusive, por saber de “seus direitos na inviolabilidade de seu corpo, por militares masculinos”.

O capitão Jonildo, aceitou seus argumentos, e imediatamente acionou outra viatura com uma policial militar feminina, para realizar a revista em Daniela Nunes, que ao observar que a sua “casa iria cair”, ela se desesperou e “bingou”, retirando dos seus seios 36 pedras de oxi.

Tanto Daniela Nunes, como a menor de 16 anos, foram encaminhadas a Seccional da cidade. Daniela Nunes foi apesentada como suspeita de comércio ilegal de entorpecentes, e a menor apreendida foi apresenta a autoridade policial, que tomou as providências cabíveis dentro do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), quando os jovens são encontrados em conflito com a lei.


Nenhum comentário:

Postar um comentário