Pesquise as matérias do JT:

sexta-feira, 8 de agosto de 2014

Tucuruí: Visita do governador causa reboliço na cidade e doação de combustívelpara carreata








WELLINGTON HUGLES
De Tucuruí
Foto: Wellington Hugles

Desde as primeiras horas do dia desta sexta-feira (8), dezenas de máquinas, caçambas, tratores e milhares de homens estão nas ruas tentando dar uma “maquiada” na ruas esburacadas, sujas e tomadas por mato e lixo, da cidade de Tucuruí, sudeste do Pará, por aonde a comitiva do governador, que virá a Tucuruí cumprir agenda governamental e aproveitará para realizar uma carreata de sua coligação política partidária.

Máquinas, caçambas e uma grande quantidade de homens foram contratadas as pressas, para tentar limpar o caminho por onde vai passar a carreata, uma das paradas de ônibus que estava em construção a mais de três meses, esta sendo colocado o telhado as pressas para mostrar serviços deste atual desgoverno municipal, uma armação para tentar ludibriar o candidato e atual governador Jatene, pelo atual prefeito Sancler Ferreira, mostrando que sua administração esta indo de “vento em poupa”.

A empresa que ganhou a licitação milionária da Nova Matinha, que, diga-se de passagem, foi um procedimento duvidoso a efetivação deste contrato, foi uma das principais colaboradoras no pagamento do combustível para a carreata, além do que, o posto de gasolina, que está fornecendo o combustível para as centenas de veículos chamados para ganharem uma quantidade de gasolina para acompanharem a carreata, coincidentemente e o mesmo que fornece combustível para a administração pública municipal.

É uma afronta às leis eleitoras, e um crime eleitoral descarado, e a “olho nu”, das esferas governamentais, ficando muito claro o esquema armado, para financiar a campanha governamental de reeleição de Jatene, haja vista, os recursos para a obra na Nova Matinha, vieram de um convênio com o Governo do Pará, e a empresa ganhadora da licitação, esta diretamente direcionando recursos através de doação de campanha para o candidato a reeleição ao governo, Simão Jatene.


Esperamos providências do Ministério Público Eleitoral, que imediatamente tome providências e coíba estes desmandos e a utilização da máquina pública em benefício de uma candidatura.

Um comentário: