Pesquise as matérias do JT:

terça-feira, 20 de outubro de 2015

Breu Branco: Estudante de 13 anos foi barbaramente assassinado e desovado em lixão

 Andressom Santos da Graça, 13 anos, estudante da Escola José Lourenço e também do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) de Breu Branco assassinado cruelmente 



WELLINGTON HUGLES
De Breu Branco
Foto: Arquivo pessoal

A cidade de Breu Branco volta novamente aos noticiários policiais, em função a um bárbaro assassinato ocorrido no final da tarde deste domingo (18), que vitimou o adolescente Andressom Santos da Graça, 13 anos, estudante da Escola José Lourenço, em Breu Branco, frequentando as aulas no turno da tarde e durante a manhã participava de atividades no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), da cidade.

Andressom Santos da Graça morava no bairro Liberdade em Breu Branco, sudeste do estado, e segundo informações de seus familiares na tarde deste domingo (18), saiu para passear em sua bicicleta, Andressom estava de posse de seu aparelho de celular, sendo este os motivos que levaram ao bárbaro episódio ocorrido contra o adolescente.

Latrocínio - Andressom Santos da Graça ainda foi visto com vida na tarde do domingo (18), no bairro Liberdade, em Breu Branco, mas logo chegou à notícia de que um corpo teria sido encontrado as margens da estrada de acesso ao lixão da cidade, após a entrada do bairro do Batata.

Crueldade – A população, familiares e os amigos que estudavam com Andressom Santos da Graça estão revoltados e exigem que as autoridades encontrem os culpados pelo assassinato do adolescente, que foi executado, com regimes de crueldade e desovado no lixão, com um tiro de espingarda calibre 12 e com uma corda envolta de seu pescoço.

A equipe da Polícia Civil imediatamente foi ao local da desova do estudante e solicitou a remoção do cadáver à equipe do IML de Tucuruí.

Após a realização da necropsia o féretro de Andressom Santos da Graça foi liberado aos familiares para o velório, seu sepultamento ocorreu no final da tarde desta segunda-feira (19), no cemitério público de Breu Branco.

A prefeitura de Breu Branco deu total apoio aos familiares garantindo toda a estrutura para o funeral, por ter conhecimento e acompanhado o adolescente Andressom Santos da Graça, que era de boa índole e participava das atividades organizadas pela municipalidade através do CRAS, além de ser aluno da rede municipal de ensino.

Os familiares estão revoltados e toda a população está comovida pela barbaridade que foi o assassinato deste adolescente, entrando para as estatísticas da polícia pelo aumento desenfreado dos assaltos que vem ocorrendo na cidade por motivos fúteis.

A dona de casa Amélia Furtado Santos Lima, 54 anos, desabafa “cadê nossos órgãos de policiamento da cidade, já não aguentamos mais tanta desordem e o crime desenfreado em nossa cidade e região, nosso filhos não podem mais sair em suas bicicletas ou andarem com um celular que é alvo destes marginais, esperamos que a Polícia Civil e a Militar tomem consciência de suas funções e coloquem atrás das grades estes assassinos que desonram e acabam com o nosso povo tão sofrido por falta da presença do braço forte do governo do estado em nossa cidade”.
Os familiares registraram o boletim de ocorrência na Delegacia de Polícia de Breu Branco, e aguardam providências das autoridades.

Investigação - O delegado de Breu Branco tombou inquérito policial, e iniciou as oitivas, para tentar elucidar o assassinato, a principal linha de investigação é o crime de latrocínio, haja vista, o adolescente não ter envolvimento com nada que desabone sua conduta.


Segundo informações preliminares, já existe um rol de suspeitos de terem cometido o latrocínio, roubo seguido de morte de Andressom Santos da Graça, para subtrair seus pertences, sendo apenas questão de tempo para que os envolvidos sejam encarcerados e o crime seja elucidado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário