Pesquise as matérias do JT:

terça-feira, 22 de março de 2016

Hospital Regional de Tucuruí: Serviços de limpeza e higienização estão comprometidos




 Serviços de limpeza e higienização estão comprometidos no HRT
 
WELLINGTON HUGLES
De Tucuruí
Foto: Wellington Hugles

Novamente a novela encenada pela empresa contratada para limpeza e higienização das dependências dos hospitais públicos do governo estadual, a Itororó, passa por mais um capítulo. 

Com mais de 15 dias de atraso no pagamento dos salários dos funcionários, as mães e pais de famílias que trabalham para a empresa Itororó, resolveram realizar uma greve parcial atendendo apenas 30% da demanda da limpeza do Hospital Regional de Tucuruí, mas garantindo os serviços na urgência, emergência e UTI.

Tudo em função a falta de esclarecimentos pela preposta de nome Lecilda; que gerência a equipe de limpeza do HRT, uma excelente chefa na cobrança dos serviços, mas Lecilda deixa a desejar no sentido de resolver as pendências dos servidores que estão sobre sua responsabilidade.

Novamente a equipe de jornalismo através de Wellington Hugles foi acionada e intermediou junto à direção do Hospital Regional de Tucuruí, a Administração da SESPA e da empresa Itororó, em Belém, a resolução desta pendência no atraso no pagamento dos salários dos prestadores de serviços, que dia e noite garantem a manutenção da limpeza do HRT, em Tucuruí.

Segundo o compromisso firmado pela empresa Itororó, através da gerência em Belém, até o final do expediente bancário desta quarta-feira (23), deverá ser depositados os valores nas contas dos servidores da Itororó lotados no Hospital Regional de Tucuruí.

Nenhum comentário:

Postar um comentário