Pesquise as matérias do JT:

sábado, 1 de agosto de 2015

Sem energia: Vila Permanente influência diretamente no cotidiano de Tucuruí, chegou a hora de sua emancipação!!!!!

                                                       


                                                              
                                                              WELLINGTON HUGLES                                                                 De Tucuruí

Foto: Wellington Hugles

Desde as 7 h da manhã deste sábado, 1º de agosto, a população de Tucuruí amarga uma onda de falta de serviços essências, como telefonia celular e fixa, internet, realização de pagamentos através de crédito ou débito, além dos bancos da cidade estar todos fora do ar em função à queda de sinal da Embratel.
Tudo em função a suspensão programada do fornecimento de energia na Vila Residencial de Tucuruí, distante 7 km do centro da cidade, serviços estes, que estão sendo realizados para melhorar o sistema de distribuição de energia, anunciados durante toda a semana, que as 2.568 residências da Vila Permanente ficariam sem energia no horário das 7 as 13 h, mas demostrando que sem a Vila Permanente a cidade de Tucuruí e inviável, pois todo o sistema de comunicação que atende a cidade fica inoperante, chegando-se a conclusão que a Vila Permanente e vital para o desenvolvimento de Tucuruí, assim como a Usina Hidrelétrica de Tucuruí e vital para o estado e parte do Brasil.
É fato que os moradores da Vila Permanente totalizando mais de quase 15 mil pessoas do total dos 100 mil habitantes de Tucuruí, segundo relatório do Censo 2012, e os moradores das vilas residências da UHE Tucuruí não recebem nenhum benefício em obras e serviços através da Prefeitura de Tucuruí, mas contata-se que a Vila e importantíssima para o desenvolvimento da cidade.
Chegou a hora das pessoas começarem a criar mecanismos que possam dar suporte nos momentos de alguns problemas que necessitem a manutenção de equipamentos ou mesmo a suspensão de energia na Vila Permanente.
E como forma de garantir o desenvolvimento de nosso município e o crescimento de nossa cidade, lanço aqui a proposta que deverá ser ombreada por muitos em um futuro bem próximo iniciarmos o processo de emancipação da Vila Permanente, por se alto sustentar, ter administração própria e de excelência e um papel primordial em nossa região.
Fica a dica, a proposta de emancipação é de autoria de Wellington Hugles, depois vamos ver quantos pais terá esta criança!!!!!!

                                    

Nenhum comentário:

Postar um comentário